Sábado, 18 de Maio de 2024 Fazer o Login

Coluna: Radar (31/10)

ter, 31 de outubro de 2023 08:09

 

 

NA JUSTIÇA

Está marcada para a próxima semana, mais uma audiência, na Justiça, que envolve a suposta compra de votos nas eleições de 2016, quando Marcos Coelho saiu vitorioso, impedindo a reeleição de Raul Belém, na época. Alguns dos envolvidos “nem aqui estão mais”.

 

TUDO PASSA

Tal processo completa sete anos em dezembro próximo. Esse prazo foi suficiente para que Marcão e Raul “reatassem amizade”, até porque se tem algo que não compensa é “brigar por conta de política”. Marcos Coelho, inclusive, apoiou Belém para deputado no ano passado.

 

NA PAUTA

Na reunião de hoje, 31, os vereadores devem aprovar o Projeto de Lei que aumenta o prazo para duas horas para que seja aplicada a multa em caso de não pagamento da “Zona Azul”. Essa foi uma recomendação do Ministério Público, feita ao prefeito e aos vereadores.

 

MAIS EM CIMA

E aí fica a pergunta: e se os vereadores não votarem a favor? Caso isso ocorra, todos os vereadores devem sofrer uma ação judicial, uma vez que, no “linguajar bem popular”, a Justiça já apontou que não existe, no Código de Trânsito, aplicação de multas no curto prazo que estão sendo efetuadas.

 

PRESSÃO

Com essa nova lei, a empresa que administra a “Zona Azul” terá ainda mais cobranças, uma vez que a prestação desse serviço gera diversas e constantes reclamações dos munícipes e autoridades, como o número reduzido de agentes nas ruas.

 

BATATA QUENTE

Em Araguari, a “Zona Azul” foi implantada em 2017, com contrato de 15 anos, podendo ser prorrogado por mais dez anos. O valor total do contrato é de 60 milhões. Nas cláusulas, seja prefeitura ou empresa, quem quiser quebrar o contrato tem que pagar o valor que ainda resta.

 

EMPREITADA

E a CDL pretende, em audiência, convencer a 1ª Promotoria de Justiça de Araguari a permitir que o recurso na ordem de um milhão e cem mil seja investido na instalação de câmeras no centro, e não nas entradas e saídas da cidade, como é o desejo do próprio Ministério Público, que viabilizou o recurso.

 

ALÔ SECRETARIA

Leitores enviaram, para a coluna, fotos de um bueiro, na avenida Minas Gerais, próximo ao número 600, faltando ferragens, o que pode gerar graves acidentes nessa época de chuva.

 

BAIRRISMO?

Para conseguir espaço no mercado em Uberlândia, uma empresa araguarina de grande porte não achou outra saída a não ser montar um escritório por lá. Era só falar que a empresa era de Araguari que os “negócios esfriavam”.

 

POR OUTRO LADO…

Foi aprovado dentro de uma comissão da Câmara dos Deputados, o projeto da deputada federal Ana Paula Leão (PP), que torna Araguari a “Capital da Cafeicultura Irrigada”. A deputada é esposa do prefeito de Uberlândia, Odelmo Leão (PP).

 

TOME NOTA

CREAS MULHER, com apoio da Prefeitura de Araguari e 1ª Promotoria de Araguari, inicia inovador projeto com atendimento de vítimas aos sábados, mediante agendamento prévio e triagem. Também foi oficiado, ao município, para disponibilizar passes de ônibus, de segunda a sábado, para vítimas que forem ao CREAS, ou que comprovarem necessidade de outros atendimentos.

4 Comentários

  1. ELIANE disse:

    EU VOTEI NO MARCÃO E MEU VOTO NÃO FOI VENDIDO, NUNCA VENDI E DEI GRAÇAS A DEUS DO MARCOS COELHO TER GANHADO. EU AJUDEI A SALVAR À CIDADE.

  2. ELIANE disse:

    O BUEIRO QUE ESTIVER SEM TAMPA, É PORQUE ELAS SENDO LEVADAS PARA VENDER OU TROCAR A TROCO DE COISAS ILEGAIS, NÃO TEM PUNIÇÃO E O PREJUIZO FICA PARA A PREFEITURA. A VIDA DE DUAS CRIANÇAS DE SACRAMENTO FOI CEIFADA POR CONTA DISSO, BUEIRO SEM TAMPA. AGORA ELA LEMBROU DE ARAGUARI, MAS A CIDADE PRECISA É DE DINHEIRO E NÃO DE TÍTULOS. ESSES DEPUTADOS PRECISAM É MUDAR ESSE CÓDIGO ARCAICO E FAZER CUMPRIR ÀS LEIS QUE SÓ EXISTEM NO PAPEL. SEIS ANOS AQUI É PRISÃO PERPÉTUA. EU ACHO BOM QUANDO ELES APRONTAM NOS EUA POR LÁ MESMO ELES FICAM, NÃO PODE É CONSEGUIR FUGIR PARA CÁ, PORQUE SENÃO ESTARÃO A SALVO.

  3. —— disse:

    Nada a ver com bairrismo porque não se aplica nesse contexto da coluna. Seria bairrismo se a empresa mesmo com ventos desfavoráveis se instalasse na cidade.
    Tem a ver que Araguari não tem estrutura: Não tem transporte público decente, falta mão de obra qualificada, não tem aeroporto doméstico, etc, etc. Qual incentivo instalar aqui?

  4. Junaum disse:

    A ZONA de azul não tem nada kkk, brincadeiras a parte, é inacreditável o quanto o Araguarino desrespeita o espaço da vaga, sábado fui ao centro, o que tem de condutor parando entre os sensores das vaga não tá no gibi. DEPOIS vai procurar os vereadores para reclamar da multa. VEREADORES, andem pela cidade e veja se está em conformidade os condutores.

Deixe seu comentário: