Sábado, 23 de Janeiro de 2021
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Coluna: Da Redação (12/01)

ter, 12 de janeiro de 2021 16:08

Abertura da redação

 

SINAL DE ALERTA

O pronunciamento oficial do prefeito Renato Carvalho e dos secretários Soraya Ribeiro de Moura (Saúde) e Murilo Franco Rodrigues (Esporte) acendeu o sinal de alerta para muitas pessoas que não acreditavam na gravidade da pandemia no município. A situação é crítica, com lotação máxima da rede hospitalar público e privada, e exige, além dos protocolos sanitários, o compromisso de todos para que não tenhamos que entrar na onda vermelha.

 

SEM LOCKDOWN I

Se por um lado o crescente número de infectados pelo Covid 19 sugere uma espécie de “desaceleração” da vida cotidiana, por outros, o Poder Público, mais do que nunca, precisa atuar de forma rápida e efetiva para minimizar não os só os efeitos devastadores da pandemia como também solucionar os inúmeros problemas da cidade.

 

SEM LOCKDOWN II

Apesar de estar apenas na segunda semana de governo, prefeito e secretariado têm muito trabalho a fazer, inclusive dar resposta a questões cobradas há anos pela comunidade e de conhecimento geral que, após a campanha, vêm para a mesa de cada um dos agentes políticos com a esperança de uma solução efetiva/definitiva.

 

NOMEAÇÃO

Cumprindo a promessa de nomear técnicos, Major Renato anunciou o jornalista Flávio Soares como titular da Secretaria de Gabinete. Graduado em Comunicação Social – Jornalismo, MBA em Comunicação com o Mercado e Mestre em Tecnologias, Comunicação e Educação, Flávio também é professor universitário. Embora a nomeação ainda não tenha sido publicada no Correio Oficial Municipal, as informações dão conta de que a mesma seja certa e que o jornalista já haveria até mesmo pedido exoneração no veículo onde trabalhava atualmente.

 

 

TEMPO QUENTE

A postura do prefeito parece não agradar muitos dos nomes que o apoiaram durante a campanha eleitoral. Nos bastidores, sobretudo do Legislativo, o clima é tenso e a conversa é de que Renato estaria se recusando a nomear indicações de companheiros de primeira hora para mostrar que quem manda é ele. Outra insatisfação de parte de seu grupo político seria de que o mesmo se recusa, inclusive, a receber vereadores e apoiadores de campanha para evitar pedido de cargos. Será?!

 

REACENDEU

O assunto, que já estava “meio esquecido”, voltou a ganhar força nos bastidores políticos da cidade, após publicação da reportagem no jornal “O Tempo”, da capital mineira, sobre a ação movida pelo MPMG para pedir a cassação da chapa majoritária eleita em Araguari. Fato que, sem dúvida, pesou ainda mais o clima.

 

INACREDITÁVEL

Como se não bastasse a notícia de que o Ginásio Mário Brumm Negreiros foi inaugurado sem que as obras estivessem totalmente concluídas (e por isso permanecerá fechado por mais um tempo), parte do muro do complexo esportivo foi danificada depois de ser atingida por um veículo. Nas redes sociais, os comentários eram de perplexidade de quem não acreditava no ocorrido. A repercussão foi geral: comentários de quem acreditava que o “acidente” tivesse ocorrido propositalmente por motivação política e até de que o Ginásio precisava ser “benzido”, visto que após 12 anos de reforma, parece que a obra nunca terá fim.

 

MUDANDO DE ASSUNTO

O prefeito de Catalão, Adib Elias (Podemos), foi transferido na manhã desta segunda-feira, 11, para o Hospital Albert Einstein, em São Paulo. O chefe do Executivo foi diagnosticado com Covid-19 e possui comorbidades.

 

FAKENEWS

Ainda ontem, dia 11, circulou nas redes sociais que o prefeito eleito em Goiânia, Maguito Vilela (MDB), que enfrenta a Covid-19 há meses, não teria resistido e falecido. Porém, logo em seguida, a assessoria do político tratou de desmentir a informação. Em suas redes pessoais, consta que Maguito está tratando de uma infecção no pulmão e permanece sedado, lutando contra a doença.

 

OFERTA TURÍSTICA

O Sebrae/Araguari promove hoje, dia 12, às 10h, o lançamento do projeto referente ao Inventário da Oferta Turística do município e espera reunir representantes do Poder Público e entidades de classe. Observando todos os protocolos sanitários, o evento acontecerá no auditório da ACIA e deve contar ainda com a presença dos deputados Raul Belém (estadual) e Zé Vitor (federal), este último incentivador e responsável pelo pontapé inicial do projeto que depende ainda do apoio da Prefeitura Municipal.

 

ESPERANÇA

Apesar da dificuldade que o mundo enfrenta por conta da pandemia, é fundamental olhar para o futuro e trabalhar para que as coisas se encaminhem. Muito embora pareça distante o fim do “isolamento” social, a elaboração e execução de políticas capazes de explorar nossas potencialidades (como o Ecoturismo, por exemplo) são indispensáveis para a economia do município. E é com esse olhar esperançoso que o trabalho deve ser feito daqui em diante.

 

FALANDO NISSO

O jovem Diogo Machado Cunha e Sousa, presidente da Fundação Araguarina de Educação e Cultura (FAEC), apesar dos problemas enfrentados logo na primeira semana (como o desmoronamento da Capela da Patrona), segue a todo vapor e com muita vontade de fazer um bom trabalho. O envolvimento e o engajamento com o setor cultural desde a sua adolescência o motivam ainda mais para implementar as ações pleiteadas, inclusive por ele, há anos, pela classe artística. Nos bastidores, a informação é de que Diogo Machado quer angariar recursos e promover o máximo de investimentos, inaugurando um novo tempo para a cultura local. Boa sorte!

2 Comentários

  1. Guilherme Caetano De sousa disse:

    Cidade com mais de 100 mil habitantes passa ano entra ano .nao tem nada de surpreendente. Incrível.

  2. Silvio Tabaco disse:

    O Major Renato nem bem assumiu a administração pública municipal e já tem gente insatisfeita pois não nomear apadrinhados? Mas essa é a postura correta de quem deseja administrar com seriedade e responsabilidade. Basta de apadrinhamentos tendo o cofre público como teta de quem somente deseja mamar e nada fazer. Que Executivo e Legislativo trilhem o caminho do bem para Araguari e não para o bem de algo particular e pessoal. E tambem, o fato de terem apoiado o Maj Renato não é credencial para cargo na prefeitura, quem asim agiu demonstrou sua má fé e seus péssimos interesses. Araguari precisa crescer, desenvolver, gerar empregos, enfrentar as crises e ser destaque na competência administrativa, e não mais ser tratada como curral eleitoral de oportunistas.

Deixe seu comentário:

Cancelar Resposta