Domingo, 19 de Maio de 2024 Fazer o Login

Mulher grávida é vítima de violência doméstica no bairro Millenium

sex, 6 de dezembro de 2013 19:42

DA REDAÇÃO – Um homem de 23 anos, foi preso na noite desta quarta-feira, 4, pela prática do delito de lesão corporal, com um agravante: ter cometido o crime contra uma mulher grávida. O caso foi registrado em uma residência na rua Manaus, bairro Millenium.

Conforme contou a vítima L.A.S (19 anos) grávida de três meses, motivado por ciúme, seu cônjuge Wellington José da Silva teria lhe agredido com socos e chutes, o que causou vários ferimentos na região da face e também nas costas.

A Polícia foi acionada e encaminhou a vítima ao Pronto Socorro, onde foi examinada pelos médicos de plantão. O suposto autor foi levado à Delegacia de Polícia, para prestar esclarecimentos.

Assim como tantas outras situações, este crime ocorreu na própria casa da vítima, o que evidencia ainda mais a importância da denúncia. “A Lei protege a mulher em todas as relações afetivas, mas é necessário que elas procurem ajuda, pois quando acontece alguma situação violenta em casa, é quase impossível a Polícia tomar conhecimento do fato,” ressaltou Paula Fernanda de Oliveira a titular da Delegacia de Orientação e Proteção à Família.

Fique de olho

Segundo o levantamento, as agressões físicas são as principais formas de violência contra a mulher e representam quase 80% do total de casos registrados. Em seguida, estão os casos de agressão psicológica e violência sexual. Qualquer situação que ofenda a integridade corporal ou saúde é considerada lesão corporal.

Cime/pena

Art. 129. Ofender a integridade corporal ou a saúde de outrem: Pena – detenção, de três meses a um ano.

Art. 61 – São circunstâncias que sempre agravam a pena, quando não constituem ou qualificam o crime:

h) contra criança, maior de 60 anos, enfermo ou mulher grávida.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: