Segunda-feira, 17 de Junho de 2024 Fazer o Login

Os vencedores do Globo de Ouro

qua, 15 de janeiro de 2014 00:00

Abertura meio desligado
Na 71ª edição do Globo de Ouro, realizada no último domingo em Los Angeles (EUA), as premiações não foram concentradas, sendo difícil eleger, de fato, favoritos. “12 anos de escravidão”, melhor drama e “Trapaça”, melhor comédia ou musical, disputaram em sete categorias, sendo os mais alardeados da premiação.

As indicações definidas pelos cerca de 90 jornalistas da Hollywood Foreign Press Association têm grande influência na corrida ao Oscar, no dia 2 de março. Críticos apontam que esse foi um ano mais generoso para o cinema em comparação com o ano anterior, com boas produções.

O filme “Ela”, sobre a história de um homem que se apaixona por uma voz feminina de um programa de computador, venceu o prêmio de melhor roteiro. “Cate Blanchett venceu por seu papel no drama “Blue Jasmine”, de Woody Allen. Ele não compareceu à cerimônia em que foi homenageado com o prêmio Cecil B. DeMille, pelo conjunto de sua obra.


12 anos de escravidão

12-Years-a-Slave-5
O longa de Steve McQueen baseado em fatos reais mostra sem rodeios as agruras da escravidão pela trajetória de Solomon Northup (Chiwetel Ejiofor), um escravo liberto sequestrado em 1841 e forçado por um proprietário de escravos (Michael Fassbender) a trabalhar em uma plantação na região de Louisiana (EUA). O drama, com estréia prevista no país para dia 28, desbancou “Philomena”, “Capitão Phillips”, “Gravidade” e “Rush: No Limite da Emoção”.


Trapaça

Levou o Globo nas categorias melhor filme, melhor atriz (Amy Adams) e melhor atriz coadjuvante (Jennifer Lawrence). Estrelado também por Christian Bale, Bradley Cooper e Jeremy Renner, o filme conta a história de um grupo de trapaceiros nos anos 1970 que se vê obrigado a cooperar com o FBI. Estréia no Brasil no próximo dia 28.


Breaking Bad

breaking-bad
O furor do público foi despertado com a vitória de “Breaking Bad”, sucesso absoluto não só nos Estados Unidos, mas também no Brasil. Bryan Cranston também levou o Globo de Ouro por dar vida ao professor de química Walter White, protagonista da série. Diferente do Oscar, no evento também são premiadas produções de TV.


Gravidade

gravidadenew
O drama vivido pela astronauta Sandra Bullock levou apenas um prêmio, o de melhor diretor para o mexicano Alfonso Cuarón. A trama quase toda se passa no espaço e deslumbra o espectador com um incrível deleite visual, embora acompanhado de uma sensação claustrofóbica. Sem dúvida, um dos melhores filmes 3D já produzidos.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: