Sábado, 24 de Fevereiro de 2024 Fazer o Login

Casos e histórias pitorescas de Araguari

sáb, 22 de fevereiro de 2014 00:00

abertura Cantinho do Mário
Casos de pescador e caçador e outros mentirosos como diz o Zé são hilários.

Conta ele que durante uma pescaria lá pros lados do Catirina, (não sei onde fica isso, só sei que era ou é longe), o acampamento deles foi infestado de quatis.

Os bichos reviraram tudo, mexeram na comida, iscas…, foi o caos. Seu colega o Tonho, P da vida, pegou uma espingarda cano 28, encheu de chumbo e foi à caça.

Encontrou os danados numa árvore próxima ao rio. Chegou a uns quarenta metros, mirou, puxou o gatilho e sacudiu o cano. Foi aquele estampido.

Todos os mamíferos da família dos procionídeos que estavam na árvore caíram no meio do capim. Ele se deliciou com a cena sentindo-se vingado, foi até a árvore vasculhou o capim, nada…, nem rastro de sangue.

Ele sabia que daquela distância não poderia ter errado, assim falou somente para o Zé que contou para os meninos do grupo.

Até hoje perdura o mistério.

Quem não tem dinheiro…, aumento, mas não invento.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: