Segunda-feira, 21 de Setembro de 2020
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Padrasto é suspeito de abusar sexualmente de criança de três anos

qua, 24 de setembro de 2014 02:00
Em outra ocasião, mulher acabou ferida após agressão de companheiro

DA REDAÇÃO – Um morador do bairro Sibipiruna é suspeito de ter abusado sexualmente de seu próprio enteado, de apenas três anos. A desconfiança surgiu após relato da criança ao pai nesta segunda-feira, 22.

De acordo com a Polícia Militar, após passar a noite com o padrasto e a mãe, o garoto contou que o homem teria supostamente abusado dele. Ao saber do ocorrido, o pai acionou a equipe do 53º Batalhão de Polícia Militar, que se descolou com os dois ao Pronto Socorro Municipal. No local, a médica responsável afirmou que não seria possível constatar alguma lesão.

Em busca de esclarecer a situação, os policiais foram até a residência do padrasto nas imediações do bairro Sibipiruna. Na ocasião, a guarnição foi recebida pela esposa do suspeito, que liberou a entrada no imóvel, mas informou que ele não se encontrava no momento.

Bastaram trinta minutos para que o homem fosse localizado, ainda na referida residência. Questionado, o padrasto alegou que dormiu na noite anterior com sua companheira, enquanto um recém-nascido foi colocado no berço e a criança deitou em um quarto separado. Segundo ele, a mulher deixou a casa para levar o outro filho ao médico pela manhã, retornando duas horas depois.

Durante o período, a suposta vítima e o padrasto haviam permanecido dormindo. O suspeito somente soube da situação após contato da esposa, que contou acerca do relato da criança. A mulher, de 21 anos, negou as acusações. Toda a ação foi acompanhada pelo Conselho Tutelar, que deixou o garoto sob os cuidados do pai e da avó.

Apesar do desfecho, a ocorrência ainda gerou uma confusão entre a mãe da criança e sua avó paterna. De acordo com a PM, o desentendimento ocorreu após a mulher culpar o seu ex-companheiro e sua mãe pela situação, lhe agredindo com tapas, unhadas e empurrões. Ambas chegaram a disputar a posse do garoto até que a conflito fosse neutralizado.
O dia ainda seria marcado por outro desentendimento, dessa vez em uma casa na rua Cesário Alvim, bairro Rosário. Na ocasião, uma mulher estava dentro do imóvel quando o companheiro chegou e após discussão, lhe enforcou antes de fugir.

Conforme apurou a reportagem, o ataque foi motivado por um celular. Segundo a vítima, 20, não é a primeira vez que é alvo de agressão por parte do amásio, dois anos mais velho.

VEÍCULO ENCONTRADO

Se por um lado a segunda-feira foi marcada por confusões entre famílias, de outro a vítima de um furto há dois meses recebeu uma boa notícia. Seu veículo, um GM Corsa Sedan, que havia sido levado por bandidos em Uberlândia, foi encontrado em uma estrada vicinal nas proximidades da rodovia LMG-748. O carro acabou encaminhado para um pátio credenciado.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: