Segunda-feira, 24 de Junho de 2024 Fazer o Login

Enfim, Fluminense é o campeão da América

ter, 7 de novembro de 2023 08:03

Da Redação

 

O grito que por tantos anos esteve entalado na garganta não está mais. Pode comemorar, torcedor tricolor! Você sonhou, profetizou e… realizou! Estava escrito: O FLUMINENSE FOOTBALL CLUB É O GRANDE CAMPEÃO DA AMÉRICA, que agora se veste de verde, branco e grená! Em uma tarde histórica no Maracanã, daquelas que para sempre serão lembradas, o Time de Guerreiros venceu o Boca Juniors por 2 a 1, com gols de Germán Cano e John Kennedy, e conquistou o inédito e tão desejado título da Conmebol Libertadores 2023.

Com o título, o Fluminense do técnico Fernando Diniz carimbou o passaporte para duas edições do Mundial de Clubes da FIFA. A primeira delas será disputada ainda este ano, entre os dias 12 e 22 de dezembro, na Arábia Saudita. O torneio terá o formato atual com sete clubes, entre eles o Manchester City, da Inglaterra, campeão da Liga dos Campeões da Europa. O Tricolor Carioca entrará diretamente nas Semifinais, em que enfrentará o vencedor do confronto entre Al-Ahly (Egito) e o ganhador de Al-Ittihad (Arábia Saudita) e Auckland City (Nova Zelândia).

O outro Mundial será em 2025, na primeira edição com o novo formato, com 32 clubes. O torneio acontecerá nos Estados Unidos como evento-teste para a Copa do Mundo de 2026. Para este torneio, já estão classificados times como Chelsea (ING), Real Madrid (ESP) e Manchester City (ING).

A conquista da glória eterna garantiu ainda um lugar para o Fluminense na grande final da Recopa Sul-Americana, que será disputada no início do ano que vem, em jogos de ida e volta, contra a LDU, que venceu a Conmebol Sulamericana.

 

PERSONAGEM

 

Muitos foram os personagens que ajudaram a escrever a história que teve como capítulo final a conquista da glória eterna. Mas, entre eles, houve um protagonista, daqueles que se eternizam no coração da torcida e nos livros que contam a história do clube tantas vezes campeão. Germán Ezequiel Cano Recalde, argentino da pequena Lomas de Zamora, em Buenos Aires, firmou-se de vez na galeria dos grandes ídolos do Fluminense. O camisa 14 alcançou mais uma marca pelo clube. Foi o artilheiro da Conmebol Libertadores 2023, com 13 gols.

Com o gol marcado na final deste sábado, Cano, de quebra, ultrapassou o também ídolo Fred e se tornou o maior artilheiro do Fluminense em jogos da competição continental, com 16 gols.

 

Desde o ano passado, Cano tem quebrado recordes e vem escrevendo seu nome na história do Tricolor. Com 81 gols, se isolou como o segundo maior artilheiro do clube e se tornou o maior goleador do clube no novo Maracanã. No ano passado, com 44 gols, foi o artilheiro do Campeonato Brasileiro (26 gols) e da Copa do Brasil (5 gols) e se tornou o maior goleador de toda a história do Fluzão em uma mesma temporada se considerados apenas jogos oficiais.

Este ano, a máquina de fazer gols continua a todo vapor. Cano foi o artilheiro do Carioca e ganhou os prêmios de melhor atacante e craque do campeonato.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: