Quarta-feira, 10 de Julho de 2024 Fazer o Login

Coluna: Radar (29/07)

sex, 29 de julho de 2022 09:07

FALA COMIGO BEBÊ

O grupo Vasconcelos, reconhecida como uma das maiores empresas do Brasil, pode estar findando contrato com o sertanejo Gustavo Lima, seu garoto propaganda.

 

PARA NÃO SECAR…

Correria nos bastidores da política local visando o retorno das reuniões plenárias dos vereadores para próxima terça-feira. A movimentação envolve agilidade para que o prefeito Renato Carvalho encaminhe o projeto para tombar como patrimônio público a Cachoeira das Irmãs, ameaçada pela construção de uma usina.

 

BAGUNÇA

Uma importante reunião aconteceu no Ministério Público envolvendo prefeitura e Câmara Municipal. O foco é resolver um problema sério da cidade que tem nomes repetidos de ruas e também de números que vem gerando transtornos até para justiça.

 

ACREDITE SE QUISER

Para ter se uma ideia, muitos anos atrás, um vereador decidiu homenagear sua cidade natal em Araguari, colocando o nome de Coromandel em quatro ruas, em bairros diferentes da cidade e que ainda persiste.

 

DOR DE CABEÇA

Servidores da prefeitura que fizeram portabilidade para receber seus salários em outra agência bancária estariam com problemas com dívidas acumuladas com a operação junto ao Bradesco, onde são depositados os salários pelo município.

 

ARAPUCA?

A coluna trouxe em primeira mão que o Ministério do Trabalho e Previdência, solicitaram às prefeituras de todo o Brasil informações dos taxistas cadastrados e aptos a receber o auxílio taxistas. A coluna apurou que o órgão da união, pretende cruzar os dados para encontrar inclusive possíveis irregularidades como receitas e também outros problemas, como exemplo, falecidos que ainda estão no sistema ou quem não está na ativa.

 

ENQUANTO ISSO…

Em Araguari, 49 taxistas atualizaram seus cadastros segundo informou o secretário de Trânsito Joaquim Fernandes.

 

E AGORA?

O prefeito Renato Carvalho está prestes a iniciar as obras do calçadão na rua Rui Barbosa, principal via central da cidade, com investimento de mais de um milhão de reais. No entanto, parte dos comerciantes instalados na via, vem se manifestando contrários à ideia de tirar os veículos de transitar pela mesma.

 

DISCÓRDIA

Uma reunião está marcada na manhã desta sexta-feira 29, na sede da CDL – Clube de Diretores Lojistas, para discutir sobre o assunto. A parte que está contra, defende que o recurso disponível para investir no calçadão, possa ser usado em outras melhorias na própria via, desde que não tire a circulação de veículos.

 

ISSO É BRASIL

O governo federal pagou o auxílio emergencial durante o auge da pandemia da COVID para 135,7 mil pessoas mortas, ocasionando prejuízo aos cofres públicos no valor de R$ 336,1 milhões.

4 Comentários

  1. SILVIO TABACO disse:

    E AGORA?
    Não seria possível fazer um teste de 90 dias sem o fluxo de veículos, avaliarem as vendas e o impacto futuro? Assim evitando dissabores e gasto de verba pública com coisa que possa ser desativada mais a frente? É preciso pensar no futuro de nossa cidade, mas um vai e volta nada acrescenta.

  2. RONALDO VIEIRA disse:

    quanto as rua com nomes e números repetidos, a minha rua se encontra nesta situação. gostaria que realmente seja resolvido.rua maria das dores peixoto faria e rua maria antonia de oliveira( rua A1, e rua A2 OS CEPS SÃO CONFUSO E NUMEROS REPETIDOS…

  3. Eliane disse:

    Mas, nas outras cidades têm, porque em Araguari não pode. Sempre tem as encrencas para atrapalhar a modernidade da cidade. Façamos o seguinte: _Quem for contra passe o seu comércio para a rua de baixo, ou para a rua de cima. Agente não consegui nem andar na Rua Rui Barbosa de tanto carro desfilando, tem que pensar é na mobilidade das pessoas transitarem livremente. Se for pedir opinião para o povo a cidade ficará arcaica pra sempre. Com tantas cidades no Brasil e vem essa repetição de nomes de cidades e tem que ser nomes simples tipo um nome só sem sobrenome, esse negócio de nomes de pessoas muito longos, até os nomes dos residenciais estão ficando repetitivos como Morada do sol.

  4. Eliane disse:

    E os prédios da cidade é um tal de Dona fulana de tal, porque não colocam somente o nome seria muito mais bonito e chique. Tem um na minha rua que chama Residencial Maria, achei lindo. O Brasil tem mais de Cinco Mil municípios não precisa repetir nomes de ruas. Homenagear pessoas a torto e a direito não concordo, nem a Dona Mariquinha de Godói que foi uma benemérita da cidade nunca vi nenhuma homenagem a ela. Tem alguns nomes que confundem às pessoas de tão parecidos.

Deixe seu comentário: