Sexta-feira, 17 de Maio de 2024 Fazer o Login

VLI aperfeiçoa operações de tráfego ferroviário em Araguari

ter, 19 de novembro de 2013 14:35

O novo sistema SOF contribui para o carregamento
e a movimentação de mercadorias no terminal

Foto: Divulgação
Atualmente, o SOF foi aplicado no TI Araguari, mas
a meta é implementá-lo em outros terminais

Foto: Divulgação

DA REDAÇÃO – Desde o primeiro semestre deste ano, a empresa de logística VLI reduziu em 15% o tempo em que o vagão carregado permanece em seu ponto de origem. A medida faz parte do Sistema de Otimização de Filas (SOF), uma nova ferramenta que garante eficácia quanto ao carregamento e movimentação rápida de mercadorias como grãos e fertilizantes.

Com a instalação da nova tecnologia, recordes mensais de carregamento foram batidos no Terminal Integrador de Araguari, um dos maiores da América Latina que realiza o transbordo de grãos destinados à exportação pelo porto de Tubarão, no Espírito Santo (ES).

Conforme explicou Fernando Alcântara, gerente de planejamento da VLI, o sistema é uma ferramenta on-line agregada ao sistema dos trens, o que fortalece ainda mais a integração entre ferrovias e terminais. “A otimização de recursos e o nível de serviços caminham juntos, para isso, ferramentas como o SOF são essenciais. Esse sistema traz uma mudança de patamar na gestão de integração dos ativos, pois agrega inteligência e permite ganho de produtividade, assim, elevamos o nível de serviço e o volume movimentado, o que possibilita um crescimento contínuo”, afirmou o gerente.

Segundo ele, o SOF evita que sejam formadas filas nas rodovias ou nas estradas de acesso ao TI Araguari, pois organiza as carretas e caminhões para carga e descarga, uma vez que os empregados da VLI acessam o sistema pela web e também por meio de aplicativos para celular. Com ele, o controlador e o supervisor de tráfego têm uma visão geral do terminal, sobretudo, a respeito do tamanho da fila de caminhões em determinada composição.

O sistema também armazena informações gerenciais dos processos de carregamento e operação. Com isso, relatórios são desenvolvidos para mensurar os ganhos de processo, com indicadores como tempo de ociosidade dos terminais durante sua atividade.  Atualmente, o SOF está sendo aplicado no TI Araguari, mas a meta é implementá-lo em outros terminais da VLI, como Porto Franco (MA), Palmeirante (TO) e Pirapora (MG).

Fonte: Assessoria

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: