Quarta-feira, 28 de Fevereiro de 2024 Fazer o Login

Valor dos serviços deve seguir tabela nos cemitérios de Araguari

ter, 15 de abril de 2014 01:38
Houve uma grande valorização de espaços no antigo cemitério. Foto: Arquivo

Houve uma grande valorização de espaços no antigo cemitério. Foto: Arquivo

DA REDAÇÃO – Na edição de 4 de abril, a Gazeta do Triângulo trouxe matéria citando um fato ocorrido no  dia 4 de dezembro de 2013, quando uma família se dirigia ao Cemitério Bom Jesus, a fim de sepultar um ente querido e os procedimentos foram normais. No entanto, o que muitos não esperavam é que a cerimônia teria sido propiciada por um crime. Naquele dia, um ocupante de cargo de confiança do governo municipal se reuniu cerca de três vezes com os referidos familiares para conseguir uma área para o sepultamento no Cemitério Bom Jesus.

Não é de hoje que existem rumores de negociatas de áreas principalmente dentro do cemitério Bom Jesus. Recentemente, surgiram novas denúncias feitas aqui na Gazeta do Triângulo, a ponto de a administração municipal instaurar um processo administravo para apurar os fatos. Com o encerramento de áreas no Bom Jesus e abertura do Cemitério Park, houve uma grande valorização de espaços no antigo cemitério.

Com base nessas situações, o vereador Giulliano Rodrigues – Tibá (PTC) apresentou em ofício solicitando ao prefeito Raul Belém (PP) a colocação de placas na parte interna dos cemitérios com os devidos valores para realização de serviços prestados como a construção, reformas e aumento de gavetas em sepulturas. “Acompanhei o velório de um amigo e a família teve que negociar serviços no jazigo com valores em meu ponto de vista exorbitantes. Sem contar que isso acontece em momento inoportuno quando o sentimento está abalado pela perda do ente querido. Espero que o Executivo possa providenciar essa medida evitando os abusos”, disse o vereador.

Outra situação cobrada é a identificação, através de uniformes, dos servidores do município que trabalham nos cemitérios, evitando que eles sejam confundidos com pessoas estranhas que estejam cometendo abusos.

Em suas reivindicações, Giulliano Rodrigues teve o apoio total dos demais vereadores sendo que o presidente Sebastião Joaquim Vieira “Tiãozinho” (PRP) deixou clara a necessidade de separar ‘o joio do trigo’ para que os servidores do município não sejam prejudicados.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: