Segunda-feira, 20 de Maio de 2024 Fazer o Login

Recapeamento da MG-223 no município de Araguari é comemorado pelos usuários

ter, 16 de abril de 2024 08:02

Da Redação

 

Moradores de Araguari e cidades vizinhas que precisam trafegar pela MG-223 estão comemorando as obras de

recuperação da via, que é uma das ligações diretas com a capital Belo Horizonte.

Por mais qualidade e segurança, MG-223 está sendo recuperada

 

Para quem não tem conhecimento, a MG-223 inicia-se no distrito de Celso Bueno, no município de Monte Carmelo, passando por Estrela do Sul, Cascalho Rico e Araguari. No município de Araguari, a rodovia mineira corta as regiões rurais da Pindaituba, Bom Jardim, Água Clara, parando no entroncamento com a BR-050 (Trevo das Mangueiras). Posteriormente, reinicia-se em Araguari, sentido à Caldas Novas, quando faz a confluência com a Rodovia Raul Belém, que liga à Tupaciguara, e com a MG-413, que vai até a Ponte Quinca Mariano, na divisa com o estado de Goiás.

O trecho entre a região da Água Clara e Monte Carmelo vinha sendo um dos mais preocupantes, devido à situação de desgaste do asfalto, que apontava problemas sérios com crateras e buracos, formados em sua maioria no período chuvoso.

Em um trabalho importante do governo do estado, pelo Departamento de Edificações de Estradas e Rodagem – DEER/MG, a via vem passando por reforma importante com a implantação do recapeamento total. Os serviços podem ser acompanhados desde o encontro com a BR-050, até as proximidades do distrito de Santa Luzia.

A reportagem da Gazeta do Triângulo passou pelo local neste fim de semana, e conversou com dois usuários. O primeiro é o produtor rural, Antônio Marcos de Oliveira, que destacou a importância da preservação da via. “Esperamos por vários anos a recuperação dessa parte da rodovia, felizmente desta vez olharam para nossa região. O recapeamento já proporciona mais tranquilidade para nós que dependemos desta rodovia”, destacou.

Falamos também com o motorista profissional Sérvio Márcio Alvarenga, 58 anos. “Sou caminhoneiro e passo por esta rodovia quase todos os dias fazendo o transporte de grãos. Fico feliz por sua recuperação para uma viagem mais tranquilo e mais segura”, apontou.

Vale ressaltar que, o asfalto ainda não recebeu as pinturas da sinalização estratigráfica, o que indica a necessidade de atenção redobrada dos motoristas, principalmente aos fins de tarde e início da noite, quando a visão fica ofuscada.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: