Domingo, 19 de Maio de 2024 Fazer o Login

Projeto para a conservação de áreas verdes reúne Executivo e iniciativa privada

sex, 7 de fevereiro de 2014 00:27

Empresas interessadas devem procurar o governo municipal

DA REDAÇÃO – Um decreto divulgado nessa semana pelo “Correio Oficial” autoriza a realização do projeto “Adote uma praça ou um canteiro central”. Instituído pela lei 4.023, de maio de 2004, a iniciativa busca atrair as empresas para a conservação e melhorias paisagísticas no perímetro urbano.

Conforme a proposta, o projeto pode ser dimensionado em conjunto de praças, jardins, canteiros centrais de avenidas e espaços de lazer abertos, além de outros setores com destinação vegetal. Em entrevista ao Jornal Gazeta do Triângulo, o secretário de Meio Ambiente, Mauro César Rodrigues, esclareceu a ação.

“Trata-se de uma parceria público privada. Tínhamos a lei há algum tempo, porém não havia sido regulamentada. Com o decreto, possibilita ao município o atendimento à demanda de algumas empresas que por ventura desejam adotar um canteiro ou uma área vegetal. A determinação passa pelos mesmos padrões do que foi realizado por uma equipe na avenida Coronel Theodolino Pereira de Araújo”, declarou.

Com base na afirmação do titular da pasta, os projetos paisagísticos contidos na iniciativa devem ser concebidos por um profissional habilitado e aprovado pela Divisão de Arborização Urbana da secretaria. Antes de finalizar, ele reiterou acerca dos procedimentos necessários.

“Aqueles que tiverem interesse em participar devem procurar a prefeitura para abrir o processo administrativo. Com a aprovação necessária, a empresa cuida da área em parceria com o Executivo, cumprindo as manutenções e adequações necessárias”, completou.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: