Domingo, 19 de Maio de 2024 Fazer o Login

Período festivo registra assaltos na cidade e nas rodovias

ter, 7 de janeiro de 2014 00:00
Loja atacada por bandidos no Amorim. Foto: Gazeta do Triângulo

Loja atacada por bandidos no Amorim.
Foto: Gazeta do Triângulo

DA REDAÇÃO – Período festivo é sinônimo de muito dinheiro no mercado. Sabedores disso, criminosos aproveitaram a oportunidade e atacaram por todos os lados. Pelo menos 15 assaltos foram registrados entre 24 de dezembro e 4 de janeiro, conforme apurou a reportagem. Os autores roubaram veículos, dinheiro, aparelhos celulares, cordão de ouro, relógio e até uma carga de inseticidas. Não houve prisão.

Dia 24, 18h50, rua Padre Nicácio, bairro Amorim: segundo a versão apresentada à Polícia Militar, dois autores em uma moto e armados com revolver, entraram numa loja de utilidades e roubaram cerca de 400 reais.

Dia 25, 19h15, rua Dona Cesária, bairro Goiás: um homem de 80 anos estava sentado na porta de sua casa quando o autor chegou em uma bicicleta e pediu um copo com água. De forma inocente, a vítima adentrou no imóvel e foi seguida pelo criminoso, que, mediante agressões, queria dinheiro. Não encontrando, apoderou-se de um aparelho celular e fugiu rumo ao bairro Santa Helena. O autor tem a aparência jovem, é moreno, olhos verdes e cabelos crespos.

Dia 29, 20h, rua Doutor Augustito, bairro Goiás: Ronaldo (27 anos) foi agredido com um pedaço de tijolo no olho no trajeto entre sua casa e um armazém. Foram roubados dinheiro e um boné. Conforme disse, o autor é conhecido no mundo do crime.

Dia 31, 6h49, rua Rio Branco, Centro: Bruna (19 anos) seguia para o trabalho quando foi rendida por um homem moreno, provavelmente armado com um revólver. Ele tomou sua bolsa com documentos pessoais e cartões bancários, fugindo em uma moto, cor prata. A PM localizou os objetos em uma via pública nas proximidades.

Dia 31, 19h20, rua Felício dos Santos: Débora (24 anos), Jeniffer (25), Eliane (36), Cleonice (44) e Luce Meire (49) foram atacadas em um salão de beleza. Os marginais ocupavam uma motocicleta, cor preta e estavam armados com um revólver. Eles subtraíram dinheiro e folhas de cheque. No crime, a dupla ameaçou disparar e uma munição calibre 32 foi deixada no local.

Dia 1º, 0h15, rua das Araras, bairro Goiás: Eloína (44 anos) afirmou que foi atacada por um conhecido e teve roubado seu aparelho de DVD.

Dia 1º, 7h20, BR-050: Renato (33 anos) foi rendido em seu local de trabalho por dois autores em uma motocicleta. Eles encostaram uma faca em seu pescoço e levaram dinheiro, fugindo pela rodovia sentido Uberlândia.

Dia 1º, 8h,  praça Sérgio Pacheco, bairro Santiago: Arnaldo (32 anos) alegou ter sido agredido por quatro autores com tapas e murros. Seu aparelho celular foi roubado.

Dia 2, 12h30, LMG-748: uma engenheira agrônoma de 32 anos seguia pela rodovia sentido Araguari/Indianópolis em um Fiat/Strada Working, cor branca, carregado com mais de 600 litros de inseticida. Na altura do quilômetro 23, ao encostar para convergir e entrar numa fazenda, foi atacada por dois autores em um veículo de cor escura. Eles pegaram parte da carga e levaram a vítima no Fiat/Strada, abandonando-a no município de Uberlândia.

Dia 2, 22h50, avenida Coronel Theodolino Pereira de Araújo, Centro: Leonardo (20 anos) disse que parou seu VW/CrossFox, cor preta, perto de um supermercado para atender o telefone quando um autor se aproximou e anunciou o assalto. Ele estava armado com um revólver. Mais dois bandidos participaram do crime. Leonardo e uma jovem de 24 anos foram colocados no banco traseiro e amarrados em uma árvore em uma estrada vicinal entre Uberlândia e Araguari. Foram subtraídos telefones celulares, cordão de ouro, par de tênis, um relógio e o automóvel.

Dia 3, 15h20, rua Antônio Lemos da Silva, Centro: Crispim (35 anos) informou aos policiais militares que um autor armado com um revólver invadiu o seu escritório e, mediante ameaças, revirou as gavetas em busca de dinheiro, roubando uma pequena quantia. Antes de fugir, mandou que o homem e as testemunhas ficassem nos fundos do estabelecimento.

Dia 4, 18h40, rua Rio Grande do Sul, bairro Santa Terezinha: Walquíria (42 anos) foi atacada por dois homens em uma motocicleta, armados com um revólver. Entregaram uma mochila à vítima e mandaram que colocasse dinheiro. Levaram também exemplares de óculos esportivos. A ação foi registrada pelo circuito interno de segurança da loja.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: