Domingo, 21 de Abril de 2024 Fazer o Login

Grupamento de Trânsito Rodoviário passa a ser subordinado ao 4º Pelotão de Meio Ambiente

qui, 30 de janeiro de 2014 00:00
Mudança afeta principalmente assuntos administrativos, que agora podem ser revolvidos em Araguari. Foto: Divulgação/4º Pel PM MAT

Mudança afeta principalmente assuntos administrativos, que agora podem ser revolvidos em Araguari.
Foto: Divulgação/4º Pel PM MAT

DA REDAÇÃO (com assessoria) – O 4º Pelotão de Meio Ambiente de Araguari foi elevado a 4º Pelotão de Meio Ambiente e Trânsito Rodoviário, conforme a resolução nº 4290 publicada no Boletim Especial da Polícia Militar nº 1, no dia 21 de janeiro.

A partir desta data, o Grupo de Policiamento Rodoviário instalado no km 114 da Rodovia MG-223 (saída para Caldas Novas) passou a ser subordinado ao 4º Pel PM MAT, sob o comando do 1º Tenente PM Carlos Alberto Matias de Abreu. “A principal mudança é na parte administrativa, pois com a nova fração, decisões que dependiam do comando em Uberlândia passam a der tomadas aqui em Araguari, melhorando assim a logística de operações e agilizando o serviço,” informou a assessoria da PM de Meio Ambiente.

O 4º Pelotão de Meio Ambiente e Trânsito Rodoviário também é responsável pelo atendimento e fiscalização no perímetro urbano e rural dos municípios de Cascalho Rico, Grupiara, Estrela do Sul e Indianópolis. A elevação não afeta o trabalho de rotina desempenhado pelos militares ambientais e rodoviários.

Vale ressaltar que o 4º Pel continua respondendo à 9ª Cia PM Ind MAT-Uberlândia, mas deixa de comandar o Grupo de Polícia de Meio Ambiente de Tupaciguara. A elevação foi decidia pela Policia Militar em Belo Horizonte, a partir de estudos relacionados à logística feitos em Uberlândia com o objetivo de diminuir a burocracia entre as frações.

Na oportunidade, o comando agradeceu o apoio recebido por toda população das cidades de sua jurisdição e reforçou a importância da participação da sociedade na garantia de um meio ambiente equilibrado para futuras gerações, além de mais segurança nas rodovias que cortam a região.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: