Quinta-feira, 14 de Março de 2024 Fazer o Login

Fórum do Agronegócio Sustentável com Tecnologia conta com a presença da senadora Teresa Cristina

qui, 29 de fevereiro de 2024 08:08

Da Redação

 

Hoje, 29, acontece o Fórum do Agronegócio Sustentável com Tecnologia e Inovação. O evento é uma realização do Instituto Mineiro de Agronegócio Sustentável (IMAS) e da Cooperativa dos Cafeicultores do Cerrado de Araguari e Região Ltda (Coocacer) e foi idealizado pela liderança do Projeto Café Sustentável que faz parte das ações do instituto em conjunto com o deputado Zé Vitor. A finalidade é discutir ações para a sustentabilidade agrícola e coletar demandas para COP 30.

A iniciativa visa a construção de uma base sólida de educação para sustentabilidade permanente com responsabilidade, fundamentada em cinco eixos: educacional, ambiental, social, econômico e governança. O Fórum contempla as iniciativas do Projeto Café Sustentável e promove discussões sobre necessidades e ações que o setor pode realizar para diminuir os efeitos do aquecimento global e as mudanças climáticas.

A finalidade é discutir ações para a sustentabilidade agrícola
Divulgação

 

Segundo a organização do Fórum, a programação debaterá, em seu primeiro momento, questões relacionadas ao futuro do ESG (ambiental, social e governança) no agronegócio brasileiro e como viabilizar a sustentabilidade econômica combinada aos pilares ambiental, social e uso da tecnologia. A transição para uma agricultura de baixo carbono e o uso de energias renováveis, bioinsumos e biotecnologia no agronegócio brasileiro, terão um momento especial em um dos painéis. A cafeicultura digital com tecnologias 4.0 será discutida com foco nas oportunidades do mercado para o produtor da Região do Cerrado Mineiro, a primeira a conquistar a Denominação de Origem para cafés no Brasil.

 

No segundo momento do evento acontecem os painéis simultâneos e neles serão apresentados workshops com temas pertinentes ao momento vivido pelo agronegócio, com foco em um posicionamento de liderança e protagonismo nas questões sustentáveis. Entre os temas está o Acordo Verde da União Europeia e o alcance da plataforma de Rastreabilidade de Cafés do Brasil para o

futuro. Os biomas brasileiros também serão temas de debate; uso inteligente e responsável da água; preservação do solo e como aliar pesquisa, tecnologia e inovação no agronegócio e na indústria para sua conservação. Temas como: Projeto Educampo, o Viveiro de Atitude, a Aliança pelo Café Sustentável, os ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável), ESG e Economia Circular, serão debatidos de forma dinâmica e com exercícios práticos no salão principal.

A programação de conteúdo será concluída com o painel que abordará a atuação do agronegócio na COP 28, em Dubai, e com a formulação de documento com alinhamento de metas do setor para a COP 30, que será realizada no Brasil, em Belém, em 2025.

 

O evento será encerrado com happy hour de networking ao fim do dia com atração musical.

 

É bom mencionar que, a programação destaca o protagonismo feminino no agronegócio com a realização do primeiro “Encontro das Mulheres do Agronegócio na Região do Cerrado Mineiro”, sendo este um evento oficial da região que apresentará casos de sucesso na sustentabilidade produtiva, ESG, liderança, produção e na gestão política e mostrará o crescimento, desenvolvimento e conquistas da classe feminina no setor e suas contribuições para um agronegócio alinhado com as demandas do mercado, com as necessidades ambientais, com foco em uma gestão inovadora, colaborativa e criativa.

 

Dentre as presenças confirmadas, estão: a senadora Teresa Cristina, que fará a abertura oficial do dia; o deputado federal Zé Vitor, idealizador e apoiador da iniciativa; o deputado estadual Raul Belém e demais representantes do poder público. Nomes importantes de lideranças de entidades e organizações do setor também estão confirmados, sobretudo para painéis, debates e workshops. Um dos nomes aguardados é do advogado especializado em tecnologia, escritor, pesquisador, professor e comentarista da GloboNews e Canal Futura, Ronaldo Lemos.

 

O Projeto Café Sustentável e o Fórum contam com apoio oficial do Governo de Minas Gerais; Secretaria de Estado da Agricultura de Minas Gerais; deputado federal Zé Vitor; deputado estadual Raul Belém; Prefeitura Municipal de Araguari; Prefeitura Municipal de Indianópolis; Ademinas – Agência de Desenvolvimento de Minas Gerais; Região do Cerrado Mineiro e o SEBRAE. O patrocínio e apoio aos eventos também contam com o envolvimento de várias empresas multinacionais e nacionais, instituições, organizações e veículos de comunicação.

2 Comentários

Deixe seu comentário: