Sábado, 15 de Junho de 2024 Fazer o Login

Falta de medicamentos é a principal reclamação dos araguarinos

qui, 16 de janeiro de 2014 00:43

SAMARA ARRUDA – Mais uma vez, a população procurou a reportagem da Gazeta do Triângulo, a fim de esclarecer a falta de medicamentos – controlados e de uso contínuo, na Farmácia Municipal.

Muitos pacientes deixam a unidade de mãos vazias, como é o caso de Ana Lúcia de 53 anos, moradora do bairro Amorim. Segundo contou, a situação cada vez é mais complicada, pois ela precisa da medicação Prednisona e não consegue encontrar os comprimidos na rede pública de saúde.

De acordo com ela, outras pessoas precisam de remédios para hipertensão e esquizofrenia que também não estão disponíveis para a população. “Desde o dia 2 estou tentando pegar o remédio na Farmácia, mas o pessoal não sabe informar quando estará disponível. Meu caso é sério, e possuo apenas duas cartelas do remédio que é utilizado diariamente. O benefício é concedido pelo Governo Federal e procurei o Ministério Público para tentar resolver o problema,” contou.

O comerciante Ademir Rosa dos Santos continua aguardando a medicação Cervedilol 12.5, indicada para o tratamento de insuficiência cardíaca. “Ainda não consegui receber, mas nesta semana ficamos sabendo que a equipe da Farmácia estava de mudança; esperamos que a situação seja resolvida, mas enquanto estamos sem previsão, terei que comprar meu remédio para evitar complicações,” ressaltou Ademir.

Segundo informações da administração municipal, durante esta semana a situação será regularizada, pois haverá a compra de novos medicamentos. Quanto à mudança de sede, a Farmácia Municipal estará fechada nesta sexta-feira, 17, e passa a atender na segunda-feira, 20, em novo endereço, situado à praça da Constituição em frente ao antigo Pronto Socorro.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: