Segunda-feira, 17 de Junho de 2024 Fazer o Login

Crime no Independência: homem é indiciado por matar idoso com 13 facadas

qui, 7 de julho de 2022 08:02

Da Redação

Cena do crime ocorrido em abril deste ano

A Polícia Civil de Minas Gerais, através da Delegacia de Homicídios em Araguari, concluiu na última terça-feira, 5, inquérito policial instaurado para apurar a morte de Luiz Antônio Cardoso, 61 anos, no bairro Independência.

As investigações se iniciaram depois que o corpo dele foi encontrado em sua residência, no último dia 24 de abril, em estado avançado de decomposição. “Vizinhos sentiram falta da vítima e notaram que havia sangue escorrendo pela porta da frente. A Polícia Militar foi acionada e encontrou o homem morto com diversos sinais de violência”, disse o delegado Felipe Oliveira Monteiro.

A Polícia Civil apurou que Luiz havia sido morto há aproximadamente quatro dias e que, na fatídica data, ele combinou um encontro sexual com uma mulher de 22 anos, a qual foi até a casa dele acompanhada pelo namorado, 33. Este aguardava na varanda, contudo, após o término da relação sexual, houve uma discussão em razão do valor a ser pago pelo encontro, momento em que autor sacou uma faca e desferiu 13 golpes contra a vítima.

Ainda de acordo com a investigação, após o homicídio, o casal revirou o imóvel a procura de dinheiro, como não encontrou, decidiu subtrair o botijão de gás da residência como forma de pagamento pelo programa.

No dia 24 do mês passado, o investigado foi preso pela Patrulha de Prevenção a Homicídios da Polícia Militar, em razão de mandado de prisão expedido pelo Juízo Criminal da Comarca a pedido da Polícia Civil.

“O autor foi indiciado por homicídio qualificado e furto qualificado, enquanto que a sua namorada responde inquérito separado por furto qualificado. Ela está em liberdade”, acrescentou Felipe Oliveira.

Os investigados são usuários de drogas, sendo que o homem ostenta registros policiais por roubo, furto e tráfico de drogas.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: