Terça-feira, 25 de Junho de 2024 Fazer o Login

Coluna: Radar (09/11)

ter, 9 de novembro de 2021 08:22

TOLERÂNCIA ZERO

Conforme a coluna antecipou e trouxe em primeira mão na semana passada, o Ministério Público se posicionou contra o prazo de vinte e quatro horas para o pagamento das guias de estacionamento, antes de virar multa. Prefeitura e empresa foram notificadas e um projeto de lei que acaba com essa carência foi enviado para Câmara, devendo ser apreciado hoje, 9. Caso seja aprovado, as multas por não pagamento serão aplicadas automaticamente.

 

BATATA QUENTE

A previsão é que o projeto entre na pauta de votação na reunião da Câmara de hoje, e deve seguir o prazo regimental caso não haja um pedido de antecipação para votação, o que eu não acredito. A coluna apurou também que o presidente da casa, Léo Mulata (Republicanos), esteve na semana passada no Ministério Público, acompanhado pelo secretário de Trânsito Jota Camargo, para tratar do assunto e, principalmente, levar as reclamações e dificuldades que as pessoas estão encontrando para pagamento, buscando uma outra saída que não seja o fim do prazo considerado inconstitucional perante a justiça.

 

QUEDA DE BRAÇO

A tendência é que a situação complique ainda mais, uma vez que os vereadores apontam que a empresa que administra a “Zona Azul” não estaria cumprindo alguns itens do contrato, como por exemplo a quantidade de fiscais na rua. Enquanto isso, a empresa busca reajuste, conforme também prescrito em contrato. Assim, a novela pode ganhar novos capítulos, sendo o pior deles uma eventual quebra de contrato, que seria de quinze anos e prevê multa pesada em caso de rescisão.

 

APURAÇÃO

A coluna também registrou na semana passada um caso de cobrança em mais de uma vaga no mesmo horário. Em um caso especifico registrado, a cobrança de duas vagas em apenas quatro minutos. Esse caso alertou o jurídico do município, na pessoa do procurador Leonardo Borelli, que fez contato com a coluna e disse que irá avaliar a situação, que é preocupante.

 

MEU VAGÃO, MINHA VIDA

Pelo menos à noite, os vagões no pátio do Palácio dos ferroviários seguem servindo de moradia para andarilhos. A prefeitura, através da FAEC – Fundação Araguarina de Educação e Cultura, segue monitorando a situação junto com a Secretaria de Trabalho e Ação Social. Na verdade, a LD Celulose acabou despertando a esperança de pessoas de várias partes do Brasil na busca por emprego, que acabam não tendo êxito e ficando desemparadas pelas ruas.

 

ILUMINAÇÃO

A empresa responsável iniciou a ornamentação de luzes de natal na cidade, desta vez, com prazo considerável antes da data comemorativa, ao contrário da maioria dos anos.

 

RESPOSTA

“Sobre a referida matéria, do colunista, ressalto que sempre mantive diálogo com grupos políticos em Araguari e de outras cidades, até mesmo por ter sido vereador e ainda candidato a Prefeito em 2020. Sobre uma possível composição entre esses nomes e grupos para 2024, ainda é distante, pois a política muda a todo instante. Já o apoio aos determinados deputados que irão para sua reeleição, vejo que ambos tenham seus interesses para o executivo, independente do resultado das próximas eleições, ficando, assim, futuras alianças, uma incógnita. Os nomes citados na coluna são de políticos importantes em nossa cidade e que sem dúvida somariam forças em 2022. Não só os dois deputados citados, como também outros possíveis candidatos…” Paulo do Vale, se referindo ao comentário desta coluna na edição anterior.

3 Comentários

  1. JUNIOR disse:

    Araguari é mesmo uma “Zona” e hipoteticamente falando os dois lados da moeda podem estar errado, eu mesmo fiquei certa vez sem vaga pois um cidadão parou entre as “tartaruguinhas” que marca tempo, por outro lado, nossa politica dorme no quesito “ajudar a população” e posso na melhor da hipótese dizer; “essa novela” não terá um final feliz para população. Alguém acredita no tom “azul” do governo municipal? O PRINCIPAL objetivo da criação dessa “zona” era pra manter a pintura estratigráfica impecável (Coisa que não acontece), temos em vários pontos da cidade, ruas com pares apagados dando sentido que o pare é pra duas vias diferentes, e assim vai nossa alegria em acreditar que nossa politica municipal não passa de politicagem.
    De um eleitor frustrado

  2. Anônimo disse:

    Tem gente que está com tanto medo de perder política, porque não se garante, então começou cedo a emporcalhar a porta das pessoas com essa porcaria que eu nem perco tempo de ler, eu já rasgo direto e jogo no lixo. É com tapeações e passando a lábia nas pessoas que muito politico inútil que não trás dinheiro para a cidade acaba sendo reeleito. O povo que tem a memória curta e se deixa enganar. Na última eleição eu anulei tudo, mas dessa vez eu vou fazer questão de votar em quem trabalha para a minha cidade e o ano que vem vai entregar obra de peso. Tem gente aqui que anda menosprezando aqueles deputados da empresa que mais fazem por Araguari e puxando saco de preguiçoso que vive de picuinha com Araguari.

  3. Anônimo disse:

    Eu não quero saber de rato na prefeitura de novo.

Deixe seu comentário: