Sábado, 18 de Maio de 2024 Fazer o Login

Coluna: Radar (08/07)

sex, 8 de julho de 2022 10:13

UPA

Algumas informações vindas da UPA de que a próxima empresa que irá assumir a gestão terá que promover várias mudanças, principalmente na maioria dos médicos que lá atendem. A informação apurada é que a UPA administrada por uma empresa terceirizada, acabou perdendo muitos médicos mais capacitados após receber propostas de cidades da região.

 

IMPASSE

Enquanto não se resolve a liberação da área onde está uma empresa que impede a ligação do novo trecho da avenida das Codornas até a BR 050, a prefeitura segue com os detalhes finais e, quem sabe, conseguir entregar a avenida até a rodovia, no aniversário da cidade, no próximo mês.

 

FOI DADA A LARGADA

Uberlândia deve ter uma avalanche de candidatos a deputados, que já estão na ativa em busca de apoio dentro de Araguari, o que natural e legal. Basta os daqui também buscar votos por lá.

 

CONSENSO

Hoje às nove da manhã tem votação para eleição da nova mesa diretora da Câmara Municipal, para o biênio 2023/2024. Como esperado, apenas uma chapa encabeçada pelo vereador “Rodrigo Piracaiba” (PATRIOTA) foi registrada para disputar os cargos.

 

REFLEXO

Estrangeiros estão vivendo em barracas montadas em alguns pontos da cidade. Muitos aqui chegaram em busca de empregos na empresa de celulose que por aqui, não tem mais seu canteiro de obras.

 

NA PONTA

Vem de Uberlândia a informação que Renato Carvalho é o terceiro prefeito mais bem avaliado da região, com base em dados levantados por uma empresa especializada. A notícia será dada nos próximos dias ao chefe do Executivo local.

 

NEGADO

O Tribunal de Justiça negou a reintegração de uma servidora municipal da prefeitura de Araguari, após a mesma se aposentar pelo INSS. Aprovada em concurso público em 2016 para professora, ela assumiu o cargo em 2019 e aposentou de forma voluntária em 2021 pelo INSS, o que gerou o seu rompimento do seu vínculo com a Administração Pública, gerando a vacância do cargo.

 

DEMISSÕES

Desde 2017, está em vigor o Programa de Demissão Voluntária de Servidores (PDV), destinado a atender situações especiais e dar oportunidades àqueles, não vocacionados para o serviço público, de buscarem outra atividade de subsistência. De lá, para cá, é uma constante os pedidos de demissão voluntarias publicados no Correio Oficial da prefeitura de Araguari. Destaque para quase trinta demissões publicadas entre os dias 4 e 6 de julho.

 

CRIME

Investigações conduzidas pelo Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) de Patos de Minas, tem como objetivo, desarticular criminosos especializados em roubos

majorado e furto qualificado de tratores e implementos agrícolas. A informação é que a organização criminosa realizou cerca de vinte e quatro delitos totalizando cerca de cinco milhões reais.

 

PASSOU O RODO

As investigações apontam que só no estado de minas, os criminosos praticaram crimes nas zonas rurais das cidades de Araguari, Uberlândia, Patrocínio, Uberaba, Nova Ponte, Ibiá, Indianápolis, Conceição das Alagoas, Tupaciguara, Perdizes, Pedrinópolis e Sacramento.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: