Quarta-feira, 19 de Junho de 2024 Fazer o Login

Coluna: Da Redação (12/10)

qua, 12 de outubro de 2022 10:48

SEMIFINAIS

Mesmo com um jogo a ser disputado nesta primeira fase, os confrontos das Semifinais do Campeonato Mineiro Masculino de Vôlei já estão definidos. Classificaram-se Sada Cruzeiro, Itambé Minas, Café Vasconcelos/ Imepac /Aracoop /Araguari e Olympico Club/Apan Eleva. Dona da melhor campanha, com sete vitórias em sete jogos, a Raposa duelará com o Olympico, que terminou em quarto lugar, com 12 pontos. Os minastenistas, que ficaram em segundo, com apenas uma derrota, enfrentarão o Araguari, que ocupam a terceira posição, com os mesmos 12 pontos do Olympico, mas com melhor set average (quando se divide o número de sets vencidos pelo de perdidos). A última partida a ser disputada, entre Azulim Gabarito Monte Carmelo e Araguari, acontece hoje, às 17h, não mudará esse cenário. Os dois embates das Semifinais serão disputados na próxima sexta, 14. O Minas pega o Araguari às 17h30, na Arena UniBH. Depois, às 20h, Sada e Olympico medem forças no ginásio do Riacho, em Contagem.

 

CASTRAÇÃO

A Prefeitura de Araguari, por meio da Secretaria de Saúde abre amanhã e sexta-feira, inscrições para castrações de cães e gatos, das 8h às 16h, na praça do Céu, no residencial Monte Moriá. Os interessados devem ter mais de 18 anos e comparecer ao local, portando os documentos pessoais (RG e CPF) e comprovante de endereço. No total serão oferecidas 100 vagas.

 

VIAS RURAIS

Com atenção voltada para a zona rural do município, a Prefeitura de Araguari, através da Secretaria de Obras está trabalhando com todas as equipes disponíveis na manutenção das estradas rurais. Os trabalhos consistem na recuperação de vários pontos, e em caso de necessidade, é usado o cascalho, para durabilidade maior do serviço. As regiões que recebem melhorias nesta semana são; Araras, Retiro Velho, Taquaral, Campo Redondo (Igreja), Barra Alegre, Pontal e Rola Cavalo.

 

SOLTINHO

A partir do próximo sábado, e até 48 horas após o pleito marcado para o dia 30 deste mês, nenhum dos candidatos que disputam o segundo turno das eleições poderá ser preso, a não ser que seja pego em flagrante delito. A outra exceção é se pesar condenação por crime inafiançável, caso no qual a polícia poderá cumprir a ordem de prisão determinada pela Justiça. Também pode ser preso quem descumprir o salvo-conduto dos candidatos. A regra que veda a prisão de candidatos nos 15 dias antes das eleições vale também para fiscais eleitorais, mesários e delegados de partidos. A norma também se aplica a eleitores, porém, com intervalo menor, de cinco dias antes até 48 horas após o pleito.

 

EM ALTA

A procura por veículos seminovos e usados segue surpreendendo em todo o Brasil. Segundo relatório publicado pela FENAUTO (Federação Nacional das Associações de Revendedores de Veículos Automotores), Belo Horizonte bateu a expressiva marca de aproximadamente 50.932 veículos vendidos em setembro em relação aos 40.746 do mês anterior. Mesmo com a instabilidade do período eleitoral, a expectativa era de alta nos números no segundo semestre. Em 2021, ano com recorde de vendas na série histórica, foram vendidos em setembro, 38.331 carros na capital.

 

EM MINAS GERAIS

Em nosso Estado, a alta chegou a 19,2%. No total foram 197.301 carros comercializados em comparação ao mês passado, no qual foram vendidos 165.540 veículos, representando uma média de 9.395 unidades por dia útil. Elevação de 30,5% se comparados aos 7.197 de agosto.

 

PARCELAMENTO

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou o projeto que autoriza os Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans) a parcelar as multas previstas no Código de Trânsito Brasileiro. Agora, a proposta será analisada pelo Senado, a menos que haja recurso para que seja votada pelo plenário. Atualmente, o tema segue regras do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). O texto aprovado na Câmara prevê que multas recebidas em outro estado só serão parceladas se houver convênio entre os Detrans de origem do veículo e o que fez a notificação. Por recomendação da relatora, deputada federal Clarissa Garotinho (União-RJ), foi aprovado o substitutivo da Comissão de Viação e Transportes ao Projeto de Lei 2.959/19, de autoria do deputado Cezinha de Madureira (PSD-SP). O substitutivo permite que a solicitação do parcelamento e o pagamento da primeira parcela sejam suficientes para a emissão do Certificado de Registro e do Certificado de Licenciamento (CRLV) referente ao ano da infração ou ao ano seguinte.

 

 

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: