Sexta-feira, 17 de Maio de 2024 Fazer o Login

Caso Ateliê: acusados de assalto comparecem ao Fórum, mas juiz adia audiência para o próximo ano

ter, 12 de novembro de 2013 00:05

DA REDAÇÃO – Acusados de assalto em um ateliê há seis meses, na rua Rodolfo Paixão, em Araguari, e seus respectivos defensores compareceram à audiência de instrução e julgamento marcada para sexta-feira, 8, no Fórum Oswaldo Pieruccetti, no entanto, os trabalhos não aconteceram, uma vez que testemunhas da acusação não foram intimadas. Assim, o juiz Ewerton Roncoletta, titular da Vara Criminal, remarcou a audiência para o dia 27 de agosto do ano que vem, às 13 horas.

Testemunhas de defesa foram, porém, segundo apurou a reportagem, não se pode inverter a ordem de inquirição para evitar nulidade (testemunhas da acusação são ouvidas em primeiro lugar).

Pela nova sistemática processual, os réus são ouvidos em Juízo somente depois de todas as testemunhas. Eles continuam em liberdade, tendo em vista a revogação da prisão preventiva.

Não é a primeira vez que ocorre um impasse no Caso do Ateliê. Em outubro houve um adiamento, pois alguns advogados tinham agendado outros compromissos, requerendo então, que fosse fixada nova data.

Estiveram no Fórum os defensores Manoel Gonzaga de Oliveira Junior (acusado André Filho), Carlos Alberto dos Santos, Rodney do Nascimento (acusado Danilo Teixeira), Luciano Marques Vieira (acusado Tiago Correia), Rogério Fernal, Tiago Neto e Castro (acusada Juliana Luzia), Nilvio de Oliveira Batista e Sandro Borges Amorim (acusado Raphael Freitas).

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: