Segunda-feira, 22 de Abril de 2024 Fazer o Login

Cantinho do Mário – Soldado Lucy Ana Alves de Souza

sáb, 5 de dezembro de 2015 08:40

Abertura-cantinho

Soldado Lucy Ana Alves de Souza

Soldado Lucy Ana Alves de Souza

Natural de Uberlândia, nascida em 7 de novembro. Pais: Jairo Ferreira de Sousa e dona Maria do Amparo Alves de Sousa. Filhos: Ana Clara e Lucas, estudantes.

Passou a infância e juventude em Araguari, fez o primário na Escola Estadual Visconde de Ouro Preto, o ginásio e colegial na Escola Estadual Raul Soares. Foi vendedora da Loja Mertiolate por oito anos. Esteve casada por doze anos, período em que se afastou do trabalho para cuidar somente do lar.

Incentivada por sua mãe dona Maria do Amparo fez inscrição para concurso público da Polícia Militar de Minas Gerais em 2007, foi aprovada e participou do curso para formação de soldados em Uberlândia, ainda residindo em Araguari.

Após nove meses, foi promovida a Soldado de Primeira Classe sendo designada para a cidade de Araguari. Sua primeira incumbência foi trabalhar no policiamento ostensivo a pé. Posteriormente trabalhou na área administrativa da PM. No momento está atuando na Patrulha Escolar onde se sente muito feliz, por ter a oportunidade de auxiliar jovens em situação de vulnerabilidade social.

Para exercer essa função passou por dois seminários específicos quando adquiriu conhecimento e prática nessa atividade, o que demonstra a preocupação e a qualidade da PMMG, ao designar seus militares. Essa tarefa segundo ela lhe traz um retorno positivo, pois  dá apoio as crianças, aos familiares e diretores escolares. Atualmente cursa o terceiro período de Direito no IMEPAC   em Araguari.

Pessoalmente sente-se realizada e recompensada com o carinho demonstrado pelos  beneficiados com  seu trabalho. Demonstra um entusiasmo muito grande pela sua vida militar. Em fevereiro de 2016, deverá ser promovida ao posto de Cabo por tempo de serviço.

Tenho vários amigos que servem a PMMG,  todos são pessoas boas, comprometidas com seu trabalho e prestando um excelente serviço a comunidade. Parabenizo a Lucy pela sua escolha e lhe desejo toda felicidade do mundo agora que encontrou sua vocação.

Um super abraço a minha amiga, que além de muito simpática é extremamente competente.  Nosso abraço também a todo o 53º Batalhão da PMMG.

CASO E HISTÓRIAS PITORESCAS DE ARAGUARI

O Zé tem uma vida toda de estórias. Conta ele que lá pelos anos 50 mais ou menos,  um Coronel seu amigo resolveu dar um baile de quinze anos para sua filha e alugou o único salão de Araguari.

As pessoas todas chegaram e nada do baile começar. Alguém criou coragem e perguntou ao Coronel que trajava um terno de linho “chique no úrtimo.”

“-O que estamos aguardando Coronel?”

Diz o Zé que ele pigarreou e esclareceu:

“-As autoridades.”

Nisso chegaram dois soldados usando uma farda rota mas bem passada, com seus coturnos ou botas bem engraxados cada um carregando um mosquetão e se apresentaram ao Coronel. Então foi autorizado o início do baile. O Zé ainda sorri quando se lembra e diz:

“-Foi designado um lugar para os soldados que ali se sentaram e só se levantaram quando o baile terminou. As pessoas dançavam, conversavam, riam com um olho nos casais e outro na polícia. Tudo correu dentro da maior ordem”. Então ele dá um suspiro e diz:

-“Bons tempos!”

Quem não tem dinheiro…

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: