Segunda-feira, 22 de Abril de 2024 Fazer o Login

Cantinho Do Mário – Primeira Igreja Evangélica Batista em Araguari

sáb, 22 de setembro de 2018 05:47

Abertura-cantinho

O trabalho dos Batistas em Araguari-MG começou com o missionário Salomão Luiz Ginzburg, o qual tinha como objetivo atender ao Campo Missionário Goiano. Viajando de São Paulo à Goiás, o trem parou em Araguari para embarque e desembarque de passageiros e mercadorias. Enquanto aguardava, desceu do trem para conhecer a cidade. O ardor em pregar o evangelho era tanto que, percebeu em seu coração um campo fértil para a mensagem do Senhor Jesus e, no dia 26 de abril de 1925, a Primeira Igreja Evangélica Batista  de Araguari foi organizada com 16 membros. 

Inicialmente as reuniões de culto eram nas casas, depois em um imóvel na praça David Campista nº 4, mudando-se depois para a rua da Glória nº 70.

Durante os anos de 1947 a 1953, é construído o templo próprio, na praça da Constituição nº 120, época em que a igreja era pastoreada pelo pastor Florentino Ferreira, sendo o mesmo inaugurado em 17 de dezembro de 1953. 

De sua organização até hoje estiveram à frente do ministério pastoral os seguintes irmãos: Salomão Luiz Ginsburg, Erasmo Braga, Augusto Teodoro de Melo, Herval Rangel, Daniel Frank Crosland, Osmar Jacob, José Xavier Assunção, Florentino Ferreira, Damy Ferreira, Algon Krulis, Levy José Penido, José do Nascimento, Maeli Oliveira Guerra, Leo Francisco Paes, José do Nascimento (2º Pastorado) e Sidney Rosa. 

Apesar de muitas lutas e perseguições, construíram uma bela história de fé, doutrina e princípios. É uma igreja missionária cumprindo, assim, o Ide de Jesus. Consideram-se  o povo da Bíblia, a palavra infalível de Deus; que crê em Deus Pai, Santo, Justo, Criador e Sustentador de todas as coisas; que crê em Deus Filho, Jesus Cristo Salvador e Senhor de nossas vidas e almas; e, em Deus Espírito Santo, o Consolador que nos guia em tudo quanto Jesus nos ensinou.

A Primeira Igreja Evangélica Batista de Araguari é filiada à Convenção Batista Mineira e a Convenção Batista Brasileira; assim, trabalha e coopera com as Juntas de Missões Estaduais, Nacionais e Mundiais.

Foi um trabalho memorável a comemoração dos 100 anos da Convenção Batista Mineira  na 1ª Igreja Evangélica Batista em Araguari, com a participação de igrejas batistas locais e de Uberlândia, sendo o  preletor pastor Levy José Penido, contando com presença dos irmãos e vários convidados, além  de muitos pastores presentes, que falaram da importância da Convenção Batista Mineira para o povo Batista na evangelização de Minas Gerais.

Tiro o meu chapéu para os integrantes desta Igreja em Araguari; são pessoas sérias, dedicadas ao evangelho conforme pregado por Jesus. Você conhece um Batista pelo seu compromisso com Jesus, prática da caridade e amor ao próximo.

Um super abraço ao Aurélio que permitiu esta publicação.

CASOS E HISTÓRIAS PITORESCAS DE ARAGUARI

Essa, por incrível que pareça é verídica. O Zé trabalhava em uma empresa de construção, era o faz tudo, construíam estradas, pontes e outros. Durante uma obra dessas ficou sediado em um local ermo e quando chegava à tardinha, pegava um litro de pinga e um prato com alguns tira gostos e se assentava sobre uma pedra que dava uma bela visão da região.

Quando a pinga acabava ia dormir.

Eis que, de repente, arranjou um companheiro, um boi se aproximou, levantou a cabeça e começou a cheirar o ar, provavelmente sentia o cheiro da marvada.

O Zé esvaziou o prato, jogou pinga nele e ofereceu para o boi que lambeu gostosamente a bebida.

E isso se repetia todos os dias em que permaneceram no lugar construindo uma ponte.

Um ano depois o dono da fazenda se desfez do boi porque não se produziu um único bezerro.

O Zé chegou à conclusão de que: boi de ressaca fica estéril. Segundo testemunhas o animal passava o dia inteiro sonolento.

Quem não tem dinheiro… O dono da fazenda nunca soube.

MÁRIO F. S. JUNIOR

 

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: