Segunda-feira, 22 de Abril de 2024 Fazer o Login

Cantinho do Mario – Luiz Roberto Ferreira

sáb, 28 de setembro de 2019 05:48

Abertura-cantinho

Natural de Araguari, nascido aos 9 de maio. Pais: Marcionilio Ferreira e dona Dirce Chagas Ferreira. É casado com Arivone Fátima Silva Ferreira, Psicóloga. Filhos: Luane, estudante e Luiz Roberto Junior, estudante universitário.

Passou a infância e juventude em Araguari. Fez o primário na Escola Estadual Costa Sena e o colegial na Escola Estadual Professor Antônio Marques. É formado em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia. Possui MBA em Finanças e Controladoria pela Universidade Cruzeiro do Sul, de São Paulo.

 Luiz Roberto Ferreira

Luiz Roberto Ferreira

 

Seu primeiro emprego com carteira assinada foi na empresa Araguari Diesel, posteriormente através de concurso foi trabalhar como funcionário público federal no Segundo Batalhão Ferroviário. Também através de concurso trabalhou no IPREMU, Instituto de Previdência Municipal de Uberlândia.

Estudou matemática por um ano e meio, contudo, a vocação falou mais alto e se formou em Ciências Contábeis. No ano de 2.000, ingressou como sócio no Escritório Contábil Irmãos Resende, tendo como sócios os competentes, Nilton Cesar de Resende e Neilton de Resende; permanece nessa sociedade há 19 anos.

O Escritório Contábil Irmãos Resende é uma empresa tradicional em Araguari e especializada em: Imposto de Renda, Imposto Territorial Rural, abertura e acompanhamento de Serviços, Comércios, Indústrias, Produtores Rurais, Empregadores Domésticos, consultorias etc. Eles fazem a contabilidade de duas instituições a que pertenço com muita eficiência.

Conheço o Luiz Roberto há alguns anos e posso afirmar que é uma pessoa digna, honesto e com uma grande capacidade no ramo a que se dedicou. Recomendo o trabalho de meu amigo e de seus sócios. O Luiz é membro da Loja Maçônica União Araguarina desde 2008.

Um super abraço ao Luiz, seus familiares e amigos.

CASOS E HISTÓRIAS PITORESCAS DE ARAGUARI

Eu trabalhei na Cia. Prada de Eletricidade e lá havia um companheiro nosso que sofria o mal de Vitiligo.

Ele ainda está vivo e se lembra da armação dos colegas. Havia comprado uma camionete Ford Pampa que apresentava alguns defeitos na lataria e nosso amigo andou assuntando com os colegas quem seria um bom lanterneiro para dar um jeito nos amassados.

Mas como gastou todo o seu dinheiro para comprá-la, isso era coisa para o futuro, nem cogitava.

Então os amigos muito maliciosos falaram aos quatro ventos que ele estava procurando alguém para dar jeito na “Pampa” dele.

Choveu de interessados; ele fazia muita força pra não rir, mas toda vez que aparecia alguém querendo pegar o serviço juntava gente pra ver a cara do amigo que tratava a todos com muita educação.

Uns não aguentavam e riam na cara dos interessados que ficavam sem entender.

Quem não tem dinheiro….

MÁRIO F.S. JÚNIOR

 

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: