Segunda-feira, 22 de Abril de 2024 Fazer o Login

Cantinho do Mário – 1º Tenente Donizete dos Reis Andrade

sáb, 9 de junho de 2018 05:58

Abertura-cantinho

Natural de Estrela do Sul, nascido aos 28 de agosto. Pais: Gerson José de Andrade e Maria Ribeiro de Andrade. É casado com Débora Cristina Marques Andrade, Diretora Escolar. Filhos: Donizete Jr. Estudante e Giovanna, Estudante.

Mudou-se para Araguari com dois anos de idade trazido por seus pais que vieram aqui procurar trabalho e estudo para seus filhos. Aos doze anos trabalhava como jardineiro. Aos quinze anos de idade foi trabalhar no ‘Armazém do Zezico’ como balconista. Guarda boas lembranças daquele tempo e tem na figura de seu ex-patrão muita gratidão por tudo o que fez por ele.

1º Tenente Donizete dos Reis Andrade

1º Tenente Donizete dos Reis Andrade

 

Cursou o  primário na Escola Municipal Tenente Coronel VilagranCabritta, o ginásio e o colegial na Escola Estadual Madre Maria Blandina. Formou-se em Matemática pela FAFI, antiga Faculdade de Filosofia de Araguari. É formado também em Computação pelo Instituto Federal do Triângulo Mineiro.

Quando ainda trabalhava com o Zezico, completou dezoito anos de idade e se alistou para o serviço militar no Segundo Batalhão Ferroviário. Lá ficou conhecendo na época o Sargento Beyerstedt e Tenente Tochiuo que tornaram seus amigos e incentivadores em sua vida militar.

Apareceu uma oportunidade e inscreveu-se em um concurso da ESA, Escola de Sargentos das Armas, comprou as apostilas com muita dificuldade, queimou as pestanas estudando em todo o seu tempo livre, fez o concurso e foi aprovado levando muita felicidade a seus genitores e irmãos.

Após dez meses de preparação saiu de lá como Terceiro Sargento e foi destacado para servir no Segundo Batalhão Ferroviário em Araguari. Passou aqui toda a sua vida profissional militar; trabalhou com a formação de soldados, serviços no britador, seção pessoal e seção de inativos entre outras.

Juntamente com o Tenente Paiva, implantaram o Curso de Formação de Condutores. Foram eles os primeiros Diretores, sendo ele o primeiro Presidente.  Completou em fevereiro 2018, trinta anos de serviços ininterruptos e foi agraciado com as medalhas: de Bronze 10 anos de serviço, Prata, 20 anos de serviço, Ouro, trinta anos de serviço.

Pretende se aposentar em 2019. É membro ativo do quadro da Loja Maçônica União Araguarina. Um ser humano notável pelo desprendimento e colaboração em tudo o que faz.

Um amigo e irmão sincero. Que Deus o abençoe e permita realizar todos os seus sonhos. Um militar e cidadão exemplar. Um super abraço a ele e sua família.

CASOS E HISTÓRIAS PITORESCAS DE ARAGUARI

O Zé, meu companheiro de trabalho, viveu uma cena que se não fosse a tragédia seria muito hilária.

Enquanto ele trabalhava atendendo os clientes da empresa, deu uma chuva de tirar pica pau do oco. Sua casa ficava ali atrás do supermercado União. A chuva torrencial trouxe muitos prejuízos à cidade. Preocupado com sua esposa, foi pra casa que ficava um pouco abaixo do nível da rua  e constatou que a água empoçou naquela região  e inundou a moradia.

Abriu a porta com dificuldade com o coração batendo a mil e viu sua esposa sentada em uma cadeira que ela colocou em cima de uma mesa e junto a ela estava um cachorro vira-lata que nem era seu.

“Vocês ouviram a expressão ou viram cachorro na canoa?” A cena era essa. Teve que mudar dali pra mulher não largar dele.

Quem não tem dinheiro….

MÁRIO F. S. JÚNIOR

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: