Terça-feira, 25 de Junho de 2024 Fazer o Login

Acidente no Centro mata estudante de Medicina

qui, 20 de fevereiro de 2014 00:02
Automóvel ficou com a parte da frente parcialmente destruída. Foto: Gazeta do Triângulo/Divulgação

Automóvel ficou com a parte da frente parcialmente destruída. Foto: Gazeta do Triângulo

DA REDAÇÃO – O trânsito de Araguari registra um de seus piores inícios de ano. Nesta terça-feira à noite, Raphael Arruda Furtado, de 20 anos, estudante do curso de Medicina na Universidade Presidente Antônio Carlos (Unipac), morreu ao bater o Citroen/C3 GLX, cor preta, placas OMI-4176/Rio Verde (GO), em um ônibus da Sertran, conduzido por Cleiton Miranda Rodrigues (29 anos). Foi o terceiro acidente com vítima fatal em 2014 no município.

Informações apuradas pelos policiais dão conta de que

Raphael Arruda Furtado tinha 20 anos de idade. Foto: Divulgação

Raphael Arruda Furtado tinha 20 anos de idade. Foto: Divulgação

o jovem trafegava pela rua Rui Barbosa sentido Marciano Santos. No cruzamento com a rua Pedro Nasciutti, ele avançou a parada obrigatória e bateu no ônibus, que subia sentido avenida Tiradentes. Chovia no momento do acidente e a vítima não estaria usando cinto de segurança.

A reportagem apurou que os bombeiros chegaram a prestar socorro, mas não foi possível salvar a vida do estudante, que foi arremessado fora do veículo e provavelmente bateu com a cabeça no asfalto.

Raphael Arruda estava acompanhado por Rodrigo Guimarães Franco (19 anos), também universitário, que sofreu ferimentos leves.
No carro havia pedaços de bolo esparramados do lado do motorista, além de copos de refrigerantes e artigos de aniversário.

No ano passado, Raphael Arruda se envolveu em outro acidente no trânsito, na avenida Minas Gerais, porém, sem maiores danos. Ele era habilitado e residia na rua Coromandel, bairro Amorim, mas seus pais moram em Barbacena (MG).

O corpo de Raphael foi velado ontem na capela da Unipac. A instituição estampou uma faixa preta em sinal de luto pelo falecimento do estudante. Sua formatura estava prevista para 2018.

VIOLÊNCIA

Além do jovem estudante, também faleceram no trânsito de Araguari neste ano: Maria Alice Francisca do Prado (79 anos), atropelada por uma motocicleta na avenida Minas Gerais, no dia 1º de fevereiro; e Antônio de Lima Araújo (21 anos), que teve sua moto atingida na traseira por um Fiat Uno, na madrugada seguinte, na LMG-748.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: