Quinta-feira, 26 de Novembro de 2020
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Operação Divisas Integradas 3 abrange Araguari com mandados de prisão

sex, 30 de outubro de 2020 14:44

Da redação

Vários locais foram visitados pelos policiais civis em Araguari na busca por alvos da operação

Vários locais foram visitados pelos policiais civis em Araguari na busca por alvos da operação

Forças de segurança de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Paraná deflagram, simultaneamente, nesta quinta-feira, 29, a Operação Divisas Integradas 3. A ação, que estabelece um marco de integração e parceria entre as polícias dos quatro Estados, tem como objetivo reforçar as atividades de combate ao crime organizado e ao narcotráfico.

Em Araguari, a Quarta Delegacia Regional de Polícia Civil mobilizou suas equipes para cumprimentos de mandados de prisão em vários locais, como nos bairros Novo Horizonte, Fátima, Santa Helena, Gutierrez e Parque dos Verdes. Até o fechamento desta edição, dois mandados tinham sido cumpridos.

Um dos alvos da operação, que responde processo na Segunda Vara Criminal em Araguari, foi localizado na Penitenciária Professor Aloísio Inácio Oliveira, na cidade de Uberaba, após diligências feitas pela PC. Assim, o mandado foi cumprido pelos policiais penais daquele estabelecimento.

Um jovem de 20 anos também estava na mira da operação, mas ele se encontrava recolhido no Presídio de Araguari, onde a ordem judicial foi executada. Outras diligências foram realizadas pela cidade, no entanto, os envolvidos não foram localizados.

A reportagem apurou que as ações preventivas, ostensivas e para cumprimento de mandados judiciais, são realizadas ao longo das divisas das unidades federativas. O município de Araguari faz divisa com o estado de Goiás pela BR-050 e pela MG-413. Durante os trabalhos simultâneos, foram empenhadas viaturas, aeronaves, drones, cães e embarcações.

Em Minas, além da Polícia Civil, participaram a Polícia Militar, Polícia Penal, servidores do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública, servidores da Subsecretaria de Atendimento Socioeducativo (Suase) e da Secretaria de Estado da Fazenda e Ministério Público (MPMG).

As autoridades destacaram que esse tipo de operação é realizada com o objetivo de aumentar a sensação de segurança da população e reduzir a impressão de impunidade. A expectativa é de que outras operações ocorram ainda antes das eleições municipais de 15 de novembro.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: