Quinta-feira, 26 de Novembro de 2020
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

ENTREVISTA: MARIA CECÍLIA

qua, 18 de novembro de 2020 21:43
Maria Cecília, primeira vice-prefeita da história de Araguari

Maria Cecília, primeira vice-prefeita da história de Araguari

Durante a campanha, os eleitores avaliam com mais intensidade o lado profissional e político do candidato. Hoje, eleita, queremos saber também o outro lado da futura vice-prefeita de Araguari. Quem é a Maria Cecília na vida pessoal?

 

Meu nome é Maria Cecília de Araújo. Nasci e fui criada, nos primórdios, na zona rural, em uma fazenda próxima a Cascalho Rico. Eu fui criada pelos meus avós, pois meus pais se separaram quando eu tinha apenas 5 anos. Com o adoecimento do meu avô, a gente acabou vindo pra cidade. Estudei no extinto colégio Regina Pacis, depois fiz meu ginásio na Escola de Comércio. Aos 16 anos iniciei o curso de Matemática, na FAF, aqui em Araguari. Com meu primeiro casamento e nascimento do meu primeiro filho, meu primeiro presente de Deus, acabei abandonando temporariamente a vida acadêmica. Eu comecei trabalhar aos 14 anos, especialmente no período de natal, e nunca parei. Com o crescimento do meu filho, voltei a estudar, onde conclui o Normal Superior, no Estadual, e posteriormente cursei Ciências Contábeis, na Unipac. Trabalhei no Boticário, Livraria São José, entre outras empresas, e na extinta AgroRocha, onde iniciei na área de Agronegócios, em que lido até hoje.  Sempre gostei de passar por cima de obstáculos. Fui convidada para participar da FeniCafé e com isso acabei me inserindo na ACA, onde estou até hoje. Participei de vários conselhos e frentes relacionadas à área rural. Também fui diretora financeira do Pica-Pau Country Club. Sempre gostei de doar meu tempo no sentido de auxiliar pessoas e entidades.

 

Quando você decidiu que queria colocar seu nome à disposição para compor uma chapa para o Executivo araguarino? Houve um marco para isso? Como essa decisão impactou sua vida?

 

Como a entidade que trabalho é uma entidade de classe, acaba trazendo a gente pra uma certa forma de política, uma politica comercial, com contato com agentes políticos. Sempre gostei deste meio, mas nunca havia passado pela minha cabeça sobre uma possível candidatura. Neste ano, fui convidada a participar de uma campanha política de uma Cooperativa de Crédito, e fui com a intenção de fortalecer o grupo, pois sempre dou meu melhor em tudo que faço. Com isso, fui convidada para participar de um grupo de possíveis candidatas a “vice”. Fiquei receosa. Primeiramente, procurei saber sobre a opinião da minha família, que me apoiou de pronto. Tenho comigo que na vida pública temos mais condições de ajudar verdadeiramente as pessoas, sendo que na vida privada trabalhamos para uma quantidade limitada de pessoas. Isso me fortaleceu! Me propus, então, participar deste grupo seleto, onde seria escolhida uma vice mulher para compor a chapa. Senti sintonia com as pessoas envolvidas, e sendo escolhida, passei a me doar e trabalhar para esta meta.

 

O que você sente em ser a primeira vice-prefeita da história de Araguari? Em ser protagonista de mais uma grande vitória da luta da mulher para se inserir na política? 

Só de ouvir isso fico arrepiada. Fico honrada e muito feliz de representar nossa classe! Mas a responsabilidade só aumenta. Não quero só fazer história, quero fazer uma bela história. Quero fazer algo diferente, quero fortalecer a força feminina na política e quero que as mulheres passem a se estimular com a política pública.

 

 

O que você acha sobre o empoderamento e a participação da mulher na política pública nos últimos anos? Existe uma dificuldade para tal inserção?

Existe uma dificuldade sim. Principalmente na coragem de participar. A mulher se sente amedrontada em se candidatar, em se expor. Mas, nestes últimos anos, a mulher tem se mostrado, a cada dia, mais forte, mais participativa na política. Em Araguari isso ficou evidente. Pela primeira vez teremos uma Câmara Municipal com tanta representatividade feminina também. Acredito que, nós, as 5 mulheres que fomos eleitas, seremos responsáveis por muitas boas mudanças na política de nossa cidade.

 

O que você pretende em fazer para se tornar uma vice-prefeita atuante? Você será responsável por alguma Secretaria?

Eu quero ser uma vice atuante. Quero estar unida e completando o Renato em todos os projetos e trabalhos. Quando eu for interrogada sobre os trabalhos do Executivo, estarei por dentro de tudo. Este é o pensamento do grupo. Se será em alguma Secretaria ou algum outro projeto, ainda não está definido. Mas que teremos uma vice-prefeita atuante e participativa, colaborando lado a lado com o prefeito, isso acontecerá. Em cima dessa ideia foi montado o nosso projeto, todos atuando efetivamente para nossa cidade.

 

Você tem alguma mensagem final, de agradecimento à população de Araguari? Fique à vontade para falar o que desejar!

Eu garanto que não vou decepcionar todos que acreditaram em nosso projeto, no projeto de ter uma mulher no Executivo. E agradeço muito a todo nosso grupo, que ouviram todas minhas ansiedades e ideais. Quero deixar um agradecimento muito forte aos acreditaram e nos apoiaram, mas deixando claro, que trabalharemos para um todo, para a cidade de Araguari.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: