Terça-feira, 04 de Agosto de 2020
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Veterinária araguarina inicia projeto voluntário para castração de cães e gatos no município

seg, 13 de julho de 2020 23:50

Da redação

A veterinária Maria Marlene Martins, idealizou um projeto de castração em nosso município

A veterinária Maria Marlene Martins, idealizou um projeto de castração em nosso município

O abandono de animais é crime previsto em lei (Lei Federal 9.605/98), além de ser um ato cruel e covarde que vem aumentando significativamente, principalmente no que se refere a cães e gatos, abandonados nas ruas das diversas cidades do país. Em Araguari essa realidade não é diferente. Além dos mais variados tipos de sofrimento aos quais os animais que ficam soltos nas ruas estão sujeitos – fome, frio, maus-tratos – o aumento do abandono está intimamente ligado ao crescimento das zoonoses, que são as doenças infecciosas capazes de ser naturalmente transmitidas entre animais e seres humanos, e a acidentes automobilísticos.

Conforme orientação de profissionais e estudiosos, a castração maciça desses animais é medida com grande eficácia e alcance, no sentido de reduzir o número de animais abandonados nas ruas e mitigar suas consequências, além de possuir benefícios clínicos importantes para os animais em si, como redução da incidência de tumores de mama nas fêmeas e de próstata nos machos.

Nesse sentido, a veterinária araguarina, Maria Marlene Martins, idealizou, juntamente com a Associação Protetora dos Animais e do Meio Ambiente de Araguari (APROAMA), um projeto de castração em nosso município. “Para viabilizar tal ação, busquei patrocínio de empresas locais e consegui verba para confeccionar camisetas com temas direcionados à educação da população no sentido de proteger e respeitar os animais. Estas já estão sendo comercializadas e a verba sendo revertida para castrações de animais de tutores de baixa renda e dos animais que estão sob responsabilidade de pessoas que oferecem lar temporário, até a completa recuperação pós-cirúrgica e adoção definitiva, sempre em parceria com a APROAMA.”

Os efeitos comportamentais da castração também são bastante importantes. Cães e gatos castrados tendem a ficar mais calmos, caseiros e menos agressivos.

O trabalho da veterinária é totalmente voluntário e não recebe nenhum apoio governamental. “Foi uma atitude que tive baseada na minha consciência como profissional e cidadã”, ponderou Maria Marlene.

 

“Finalizo, agradecendo aos envolvidos neste projeto e pedindo a todos os simpatizantes da causa que colaborem de alguma forma, dentre as variadas possibilidades: acolhendo um animal, adquirindo uma camiseta, ajudando na divulgação das vendas e educando seus filhos para que cresçam pessoas conscientes e repletas de amor e respeito pelos animais. São ações assim que farão a diferença e tornarão as gerações futuras adultos responsáveis e de bem.”.

5 Comentários

  1. Lucia disse:

    Tenho cinco cachorros e alguns gatos todos adotados. Como eu consigo a castração?

  2. Solange maria disse:

    Bela iniciativa!Deus abençoe a todos envolvidos no ????????????????????????

  3. Solange maria disse:

    Bela iniciativa!Deus abençoe a todos envolvidos no projeto ????????

  4. Orlei disse:

    Sou de Uberlândia tenho uma pitbull…e preciso castrada, não tenho estrutura para deixar ela criar…e se eu não por ela pra cruzar ela pode desenvolver câncer. Gostaria de saber como conseguir a castração e o custo.

  5. Angélica disse:

    Parabéns sua linda essa veterinária e porreta maravilhosa e de um ❤️ maravilho vai dar tudo certo no projeto Marlene vc é puro Sucesso bjs.

Deixe seu comentário: