Segunda-feira, 16 de Setembro de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Samu contabiliza mais de oito mil atendimentos no primeiro ano de operação em Araguari

ter, 2 de julho de 2019 05:09

Da Redação

O Samu Triângulo Norte completa um ano de atuação nesta quarta-feira, dia 3. O serviçoé resultado do empenho do Consórcio Público Intermunicipal da Rede de Urgência e Emergência da Macrorregião do Triângulo Norte (Cistri) e conta com apoio do Estado, das secretarias de Saúde e do Corpo de Bombeiros. Na estrutura do Samu Triângulo Norte são aproximadamente 244 funcionários e mais de 30 ambulâncias que atendem 26 cidades conveniadas.

Neste período foram contabilizadas 4.523 ligações na região

Neste período foram contabilizadas 4.523 ligações na região

 

Logo nas primeiras dez horas de operação, a Central de Regulação do serviço móvel registrou 158 ligações. Dessas, 18,35% foram referentes a orientações médicas e saídas da unidade para atendimento no local. Em Araguari, a base do Samu está localizada no imóvel do antigo Pronto Socorro, na rua Sebastião Naves, 55, bairro Miranda. A estrutura conta com três ambulâncias, sendo duas ambulâncias semi-intensivas e uma UTI Móvel, além da equipe de médicos, enfermeiros, motoristas e demais socorristas.

De acordo com informações da Central de Regulação do Cistri, o relatório de atendimentos relativo ao período de 3 de julho de 2018 a 1º de julho de 2019, mostra que foram contabilizados 8.163 atendimentos no município contemplando a área de pediatria, psiquiatria e causas obstétricas, sendo 4.994 atendimentos por causas clínicas e 1.832 por causas traumáticas. O maior número de atendimentos está voltado a pessoas com idades até 40 anos, totalizando 2.523 registros, seguido por pessoas com idade acima de 60 anos, que somam 2.357 atendimentos.

Na cidade foram realizados 4.268 atendimentos femininos e 3.895 masculinos. As orientações médicas chegaram à 2.637.  Também foram contabilizados 28 atendimentos com apoio da Polícia Militar e 31 com a participação do Corpo de Bombeiros. Neste período na região foram 4.523 ligações, sendo que as consideradas trotes representam 3,79 do total. O número de saídas de ambulâncias foi de 32.372.

O levantamento mostra ainda que as causas clínicas representam 63.11% dos atendimentos (18.747) e as causas traumáticas aparecem logo em seguida, com 23.92% (7.106) neste período. Todo o atendimento é feito em tempo real por monitoramento na central, através do telefone 192. As ligações são encaminhadas à equipe de plantão que funciona 24 horas nos sete dias da semana na Central de Regulação.

Em um primeiro momento, o auxiliar de regulação médica vai colher os dados como endereço e proximidades, para facilitar a localização e encaminhar a ligação para um médico. Segundo a Central de Regulação, nesse momento o médico verifica o que pode ser feito, se a queixa requer atendimento no local ou se é necessária apenas orientação. Se for um caso de urgência ou emergência, uma das bases nas 16 cidades é acionada para o atendimento.

O movimento da frota de ambulâncias é monitorado pelos rádios operadores na Central. A equipe de atendimento constantemente está em comunicação com a Central e, assim que é realizado o primeiro atendimento, informa a situação ao médico regulador para que este defina para qual unidade de saúde o paciente precisa ser encaminhado. Os hospitais que recebemos pacientes são: Santa Casa de Misericórdia, Hospital Santo Antônio e Upa (Unidade de Pronto Atendimento).

O Samu foi anunciado em novembro de 2015 com previsão para início dos trabalhos no primeiro semestre de 2016, quando começaram os treinamentos dos aprovados no concurso do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência. As turmas contavam com médicos, enfermeiros, condutores socorristas, apoio administrativo e bombeiros.

Desde o início da implantação do serviço, os araguarinos reconhecem a importância do Samu para a cidade. “Sempre estamos vendo a equipe do Samu nas ruas, isso nos deixa tranquilos, pois, sabemos que está sendo feito um bom trabalho na cidade. Parabenizamos os médicos, enfermeiros e todos que trabalham para o bem estar daqueles que entram em contato e precisam de cuidados,” comentou Ester Rodrigues de Sousa, moradora do bairro Goiás.

Conforme ressaltou o prefeito Marcos Coelho, a implantação do Samu trouxe melhorias no atendimento do serviço de urgência e emergência da cidade. “Desde o início do mandato trabalhamos para implantar o Samu na região. É um esforço conjunto de 26 municípios; parabenizo todos os prefeitos que ajudaram a acontecer e a colocar em funcionamento; vamos continuar trabalhando junto aos governos Estadual e Federal para disponibilizar mais recursos para Araguari e também para a região.”

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: