Sábado, 26 de Maio de 2018
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Resolução do Contran para instalação de câmeras e retrovisores traseiros em vans escolares entra em vigor

qua, 31 de janeiro de 2018 05:09

Da Redação

Equipamento deve ser exigido no município a partir do segundo semestre desse ano

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) emitiu, em outubro de 2014, uma resolução exigindo a utilização obrigatória de espelhos retrovisores ou câmeras traseiras em veículos destinados ao transporte escolar. O prazo para a adequação dos veículos terminou no dia 1º de janeiro desse ano e a expectativa é de que o município passe a exigir os equipamentos a partir do segundo semestre desse ano.

Mais de 180 condutores prestam o serviço de transporte escolar no município

Mais de 180 condutores prestam o serviço de transporte escolar no município

 

De acordo com a Resolução nº 504, de 29 de outubro de 2014, é obrigatória a utilização de espelhos retrovisores, equipamento do tipo câmera-monitor ou outro dispositivo equivalente, a ser instalado nos veículos destinados ao transporte coletivo de escolares, considerando a necessidade de garantir ao condutor do veículo a visão completa durante o embarque e desembarque de passageiros.

Após a publicação do documento, os condutores tiveram o prazo de três anos para adaptar os veículos, porém, muitos municípios ainda não exigem os equipamentos para a prestação do serviço. Conforme o secretário de Trânsito, Transportes e Mobilidade Urbana de Araguari, Luiz Antônio Lopes, a expectativa é de que os veículos sejam adaptados para o próximo semestre. “Para esse semestre não estamos cobrando a instalação, mas iremos notificar os condutores, mas exigindo que os veículos estejam adaptados no próximo semestre desse ano”.

O cadastramento de vans para a prestação do serviço de transporte escolar teve início no dia 15 desse mês e termina nessa quarta-feira, 31. Os interessados em regularizar a situação do veículo devem comparecer à secretaria de Trânsito, localizada na praça Getúlio Vargas, 112, Centro, durante o horário comercial.

Para prestar o serviço, o condutor deverá apresentar toda a documentação exigida pelo município e o veículo passará por vistoria, na qual será analisada a presença de equipamentos obrigatórios, como extintor de incêndio, tacógrafo, faixa amarela, cinto de segurança e lanterna superior dianteira e traseira.

Atualmente, mais de 180 condutores prestam o serviço no município, sendo que aproximadamente 110 fazem parte da Cooperativa dos Transportes de Passageiros e Cargas de Uberlândia (COPASS) em Araguari. “Como ainda não tínhamos realizado o processo licitatório, o movimento para o cadastro de vans foi pequeno, mas conseguimos finalizar a licitação e os motoristas estão cadastrando seus veículos”, acrescenta o secretário de Trânsito.

De acordo com o secretário, existem diversos casos no município de condutores que não regularizam a situação do veículo para a prestação do serviço. “Quando nossos prazos terminarem, iniciaremos a fiscalização e esses motoristas que não estão regularizados serão multados pela Polícia Militar”.

2 Comentários

  1. HAMILTON REIS RIBEIRO disse:

    as câmaras devem ser ligadas na marcha ou chave em apartado do veiculo?

  2. Lucas souza de paula silva disse:

    Gostaria de saber quantas câmeras são obrigatória no veículo local adequado de cada câmera.

Deixe seu comentário: