Quarta-feira, 26 de Junho de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Requerimentos são apresentados em sessão ordinária do Legislativo

qua, 22 de maio de 2019 05:22

por Laura Alvarenga

Por mais uma semana a sessão ordinária da Câmara Municipal reuniu parte dos 17 vereadores eleitos pelo povo. Na manhã desta terça-feira, 21, os edis puderam realizar a costumeira leitura de requerimentos em favor de pedidos feitos de acordo com as necessidades de manutenção e desenvolvimento do município.

Apresentação das proposições esteve cercada por assuntos rotineiros sobre a manutenção do município

Apresentação das proposições esteve cercada por assuntos rotineiros sobre a manutenção do município

 

As proposições apresentadas tiveram como base temas que circulam pelo plenário frequentemente. A manutenção da cidade se tornou tema rotineiro nos requerimentos dos legisladores. Serviços de capina pelas vias do município, limpeza de lotes, pintura estratigráfica e instalação de novos semáforos, pautaram a sessão. Ainda dentro dos tópicos relacionados à manutenção, o vereador Leonardo Rodrigues (PP), pediu para que sejam tomadas providências a respeito do descuido com as academias ao ar livre, em especial a unidade instalada na avenida Coronel Teodolino Pereira de Araújo, em frente à Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

Segundo o vereador, as instalações se encontram em estado inapropriado para uso. Com o intuito de promover o hábito de vida saudável a todo e qualquer cidadão, a unidade da avenida Teodolino, era rotineiramente frequentada por idosos em sua grande maioria e, de acordo com Leonardo Rodrigues “muitas vezes nós esquecemos que um dia chegaremos a essa idade. Os idosos que ali praticavam exercícios todos os dias na academia, não se encontram mais”. O vereador finalizou ressaltando que o município perde com um investimento muito alto que não tem manutenção e cuidado.

Durante a leitura de requerimentos, o vereador Levi Siqueira (MDB), cobrou a manutenção das luzes de LED no município. O vereador ainda relatou o interesse em solicitar uma reunião com a empresa MGO Rodovias, com o objetivo de debater sobre o assunto em busca de melhorias para os cidadãos araguarinos.

Ainda no momento de leitura e, após o que se parecia ter ficado um período no esquecimento, a Biblioteca Municipal Professor Paulo de Oliveira, ganhou espaço nos requerimentos do vereador Warley Morais (PMB ). Na oportunidade ele fez uma ressalva sobre essa proposta que é cobrada desde 2017. O vereador ressaltou o atraso nos serviços oferecidos pelo recinto, um exemplo é a falta de disponibilização da rede de internet via Wi-Fi para as pessoas que ali comparecem. Warley comparou a biblioteca à expressão “elefante branco”, uma vez que é cada vez menos frequentada pela falta de infraestrutura moderna e adequada aos munícipes. Ao cobrar a manutenção da infraestrutura do local, o vereador ressaltou “é vergonhoso e desrespeitoso com o jovem do município que deseja estudar”.

No decorrer da sessão também foram apresentadas concessões de diplomas de honra ao mérito, cidadania honorária e modificação em nomes de algumas ruas da cidade. Em tempo, vários vereadores também prestaram condolências em honra à memória do falecido radialista e ex-vereador, Odilon Neves. Na oportunidade alguns dos edis propuseram uma homenagem através da nominação do mesmo em algum edifício público do município, recebendo o apoio dos demais.

Durante o uso da tribuna livre, o advogado Victor Guimarães dos Santos, explanou a indignação dele diante da atual situação da saúde municipal. O advogado relatou alguns casos que estão sob sua responsabilidade, demonstrando o descaso com os pacientes. Expondo alguns exemplos, Victor descreveu a situação de uma senhora chama Joana D’Arc Guimarães Silva, a mesma teve o braço quebrado há quatro anos e ainda se encontra com a fratura sem o devido tratamento. O mesmo ainda demonstrou interesse em propor opiniões e sugestões aos componentes da Câmara Municipal a fim de promover melhorias na saúde pública.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: