Terça-feira, 07 de Abril de 2020
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Prefeitura e servidores tentam conciliação em audiência visando pagamento do vale-alimentação

sex, 21 de fevereiro de 2020 05:00

Da Redação

O Sindicado dos Trabalhadores e Empregados em Serviços Públicos Municipais (Sintespa) tem se mobilizado para atender as principais demandas dos servidores municipais. Entre elas está o pagamento do vale-alimentação que ainda se encontra em atraso. Diante disso, na última quarta-feira, 19, foi realizada uma audiência de conciliação alusiva à ação coletiva impetrada na Justiça do Trabalho pelo Sindicato.

Durante o encontro, a secretaria de Administração e representantes do Executivo fizeram uma proposta de pagamento do benefício aos celetistas – servidores do antigo Pronto Socorro que atualmente gira em torno de R$ 3.415,000,00 referente ao período de agosto de 2017 a março de 2019. “A nossa intenção é solucionar esse problema que foi gerado pelas dificuldades financeiras que o município vem enfrentando, mas estamos trabalhando para honrar esses pagamentos. Nossa proposta é realizar o pagamento em 24 parcelas de aproximadamente R$ 142 mil, que deve ser iniciado imediatamente, após termos a resposta do Sindicato, ” afirmou o secretário de Administração, Carlos Barbosa.

Diante disso, a diretoria do Sintespa irá promover uma assembleia com aos servidores para definir se aceitarão a proposta do Executivo. Assim, outra audiência foi agendada pela prefeitura para o dia 9 de março. “O Sindicato irá deliberar com aos trabalhadores e posteriormente, nos avisarão de sua posição quanto ao parcelamento. Enquanto isso, vamos verificar junto ao Legislativo se é necessário fazer uma lei que ampare esse tipo de parcelamento,” completou o secretário.

O valor do vale-alimentação é de R$ 100 e para os servidores, está bastante defasado. Sendo assim, eles pedem ainda que o Executivo faça um reajuste e que o valor seja de R$ 200. Este é um dos principais assuntos que circulam pelo plenário da Câmara Municipal e por várias ocasiões, os servidores estiveram no local para pedir apoio do Legislativo quanto à regularização do pagamento.

Para falar sobre o assunto, a reportagem também fez contato com o vereador Sebastião Vieira (PSL) e presidente do Sindicato dos Trabalhadores, entretanto, até o fechamento desta edição não obtivemos retorno.

Em suas redes sociais, o Sindicato ressaltou que os “direitos dos servidores não estão sendo cumpridos conforme a legislação e poderemos recorrer à Justiça para a garantia desses direitos, caso não seja definido o pagamento”.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: