Domingo, 21 de Julho de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Nova tarifa do estacionamento rotativo começa a valer em Araguari

sáb, 23 de março de 2019 05:50

Da Redação

O valor do estacionamento rotativo no município sofreu um reajuste. A tarifa cobrada passou de R$ 2,00 para R$ 2,05, segundo a empresa Explora Participações em Tecnologia e Sistema de Informação S/A – EXP Parking responsável pela Zona Azul. Esta é a primeira alteração no serviço, que foi implantado em Araguari em setembro de 2017. O período de concessão é de 15 anos.

De acordo com a direção da empresa, o reajuste se trata de um reequilíbrio de contrato uma vez que o preço se manteve congelado nos últimos anos. Assim, a nova tarifa passou a valer a partir de 15 de março. No intuito de informar os motoristas sobre a mudança, a equipe de monitores vem fazendo um trabalho diário de orientação.

Zona Azul conta com nova tarifa após reajuste contratual

Zona Azul conta com nova tarifa após reajuste contratual

 

O horário de funcionamento do estacionamento rotativo continua de segunda a sexta-feira, das 8 às 18h, e aos sábados, das 8 às 13h. Ao todo, são 1.750 vagas, das quais 40 vagas são para deficientes físicos e 200 para idosos. Deficientes físicos terão gratuidade no estacionamento rotativo, mas para isso, os mesmos deverão comparecer à secretaria de Trânsito e Transportes – SETRANS para retirar o cartão que deverá ser colocado no para-brisas do carro.

As vagas para motocicletas são gratuitas totalizando 3.000 unidades, praticamente o dobro da quantidade que existia antigamente na cidade. Após dois anos de implantação, as opiniões ainda se dividem a respeito do serviço prestado no município. Para o lojista Augusto dos Santos Peixoto, a implantação do serviço foi importante para o desenvolvimento do comércio em Araguari. “O valor ainda é acessível para quem precisa estacionar no centro da cidade. Antigamente havia o problema de encontrar vagas e hoje, o cliente tem sempre à disposição um espaço para deixar seu veículo de forma segura e legal, sem nenhuma preocupação. Acredito que ainda assim é uma maneira de organização da cidade.”

A iniciativa não é bem vista por Andréia Gonçalves, moradora da região central da cidade. “Nós pagamos impostos, documento de veículos, e tantas outras taxas para ainda gastar com vagas de estacionamento. Sem contar que não podemos nem estacionar na frente da nossa própria casa. Depois de instalarem as vagas, os moradores do Centro têm passado vários transtornos dia após dia,” afirmou.

Sobre a aplicação do recurso arrecadado na Zona Azul, a informação obtida pela reportagem é de que os valores retornam para o município sendo destinados ao Fundo Municipal de Trânsito e Transportes. Assim, a arrecadação é utilizada na manutenção das vias públicas e principalmente, da sinalização e pintura estratigráfica.

Regularização de Vagas

Os motoristas que acumulam dívidas e continuarem utilizando o estacionamento de forma irregular, podem ser multados. Nesses casos, os monitores estão orientando os motoristas sobre a oportunidade para regularizar, pois, correm o risco de serem autuados por estarem descumprindo a legislação municipal.

Diante disso, para regularizar o condutor tem à disposição o TAG EXP, que é um cartão inteligente pré-pago no qual é debitado o valor do estacionamento e existe também o aplicativo para smartfones, que pode ser baixado nas lojas virtuais; quando o condutor estaciona, ele digita o número da vaga e o tempo de permanência. Além disso, o condutor pode buscar um ponto de venda credenciado e adquirir o crédito, ou procurar pelos monitores.

2 Comentários

  1. ney disse:

    2,05??? sacanagem né???

  2. Heitor Marques disse:

    Se num bastasse a exploração do pedágio da MGO, agora vem o estacionamento rotativo.

Deixe seu comentário:

Cancelar Resposta