Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2018
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Memória de Virgínia Alcântara é relembrada durante sessão legislativa

qui, 11 de outubro de 2018 05:17

por Carolina Rodrigues

“Nascida em 11 de agosto de 1964, Virgínia Alcântara era a filha única e amada do casal Valentina Marques Ferreira e Antônio Alcântara”. Com estes dizeres, a vereadora Ana Lúcia Prado (PTB) deu início à homenagem para a companheira de parlamento, falecida em julho deste ano, em decorrência do câncer.

Vereadora Virgínia Alcântara se tornou símbolo de luta contra o câncer de mama **Arquivo

Vereadora Virgínia Alcântara se tornou símbolo de luta contra o câncer de mama
**Arquivo

O mês de outubro é um marco para as mulheres que lutam contra o câncer de mama, seja para aquelas foram diagnosticadas com a doença ou que acreditam que o melhor remédio é a prevenção. A campanha Outubro Rosa foi uma constante em toda a trajetória de Virgínia, enquanto membro da Casa Legislativa e mulher que sofreu na pele as dores do segundo tipo de câncer mais comum.

Durante o período de vereança, Virgínia trabalhou na elaboração de leis e ações voltadas à prevenção contra o câncer, além de apoio a movimentos e entidades sociais, com o intuito de ajudar o próximo. Sempre com a parceria de Ana Lúcia, foi uma exímia defensora da campanha que tem como símbolo o laço rosa.

Em uso da tribuna, Ana Lúcia deu destaque para o movimento e relembrou a memória de Virgínia. “Nós estamos no mês de outubro e temos a vereadora Virgínia que lutou pela causa e foi uma guerreira. Ela fez da luta, um estímulo; em toda a sua trajetória, jamais reclamou da doença. Nesta tarde, reverenciamos essa figura que entrou para a história da cidade e da vida de cada um aqui presente”.

A parlamentar ressaltou toda a conduta de Virgínia, pautada nas questões sociais, feministas e de saúde, o que a tornou uma “grande inspiração, sendo exemplo de força, coragem e superação”. Além disso, pontuou que outubro sempre foi um mês significativo, tendo em vista que foi em 1º de outubro de 2013 que ela foi submetida à primeira quimioterapia. Por essa razão, ela sempre movimentava a cidade pelo Outubro Rosa, se solidarizando com a luta de inúmeras mulheres e relatando sua história para gerar conscientização.

“Lutava pela prevenção e conclamava as mulheres para olharem para si. Pleiteava a ampliação do número de mamografias oferecidas e um atendimento especializado capaz de diagnosticar a doença com precisão. Sonhava com um tratamento digno e rápido para as mulheres”.

Vereadora Ana Lúcia dá continuidade à luta em prol do Outubro Rosa **Gazeta do Triângulo

Vereadora Ana Lúcia dá continuidade à luta em prol do Outubro Rosa
**Gazeta do Triângulo

 

Nesta semana, completou três meses do falecimento. Mas a luta continua e, este ano, Ana Lúcia abraçou a causa novamente. A vereadora está diretamente engajada nas ações que estão sendo desenvolvidas pela secretaria municipal de Saúde. Em tribuna, ela apresentou o cronograma de atividades, com destaque para os mutirões de exames Papanicolau e encaminhamentos para mamografia.

Em entrevista ao jornal Gazeta do Triângulo, a edil concluiu que o movimento auxilia na conscientização das mulheres “acerca da prevenção, diagnóstico precoce e desmistificação da doença, pois quanto mais se fala, mais se sabe lidar e encontrar apoio”.

VIRGÍNIA ALCÂNTARA

No discurso proferido por Ana Lúcia, foi detalhado um pouco da história de Virgínia. A eterna parlamentar nasceu em 11 de agosto de 1964. Graduou-se em Geografia e Direito, fez pós-graduação em Geopolítica e exerceu várias funções em benefício de Araguari. O ingresso na política se deu no ano 2000, assumindo a Direção de Comunicação e Cerimonial da Câmara Municipal de Araguari; “começava ali uma trajetória que ficaria marcada na história da cidade”.

Candidatou-se pela primeira vez ao cargo de vereadora nas eleições de 2004, ficando na suplência pela coligação encabeçada pelo Partido dos Trabalhadores (PT). Em 2008, voltou a concorrer pelo Partido Trabalhista Cristão (PTC) também não conseguindo se eleger. Porém, “seu carisma e popularidade renderam o convite para assumir a secretaria de Trabalho e Ação Social” durante gestão de Marcos Coelho de Carvalho. Nessa época também se tornou presidente do Conselho Intermunicipal de Assistência Social do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, representando e dirigindo secretarias de toda a região.

No ano de 2013, assumiu a cadeira no Legislativo por quatro vezes, devido às licenças do então vereador César Batista de Oliveira. Nesta época havia sido diagnosticada com câncer de mama, mas, ela “assumiu o mandato e procurou fazer da sua luta um estímulo não só para as mulheres que enfrentaram a doença como, também, para aquelas que, por medo ou preconceito, não se atentavam quanto à prevenção”.

Somente em 2016, Virgínia Alcântara conquistou o título de vereadora; “suas palavras de ordem eram o serviço e o amor”. Logo no início do primeiro mandato, foi diagnosticada novamente com câncer; desta vez, uma metástase no fígado. Ela “lutou bravamente até o dia 6 de julho de 2018”, quando faleceu no auge dos 53 anos.

OUTUBRO ROSA

Confira a programação para o mês, desenvolvida pela secretaria de Saúde:

20 e 27 de outubro

  • Mutirão de mamografia e Papanicolau
  • Locais: todas as Unidades de Saúde
  • Praça Manoel Bonito (Consultório Móvel – Ônibus Expresso Saúde)
  • Horário: 9 às 16 horas

 

28 de outubro

  • 5ª Corrida das Guerreiras
  • Local de concentração: Academia Zurc
  • Horário: 7 horas

 

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: