Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Homem leva tiro próximo ao rio Araguari, entra em contradição e foge de unidade médica

qua, 9 de outubro de 2019 05:45

Da Redação

Homicídio tentado ou disparo acidental de arma de fogo? Um homem de 31 anos, que se identificou como Marcos Vinicius, foi atingido por um tiro na perna esquerda, nas imediações da ponte sobre o rio Araguari, altura do km 53 da BR-050, no domingo à noite.

Vítima fugiu da unidade de saúde enquanto ambulância era acionada para a sua transferência ** Divulgação

Vítima fugiu da unidade de saúde enquanto ambulância era acionada para a sua transferência
** Divulgação

 

A vítima deu entrada numa unidade médica de Uberlândia, provavelmente levada por terceiros. Ao ser atendida, constatou-se a necessidade de transferência urgente para o Hospital de Clínicas da Ufu, porém, mesmo com a grave lesão, enquanto a equipe de plantão acionava a ambulância, Marcos aproveitou para evadir do local, tomando rumo ignorado.

Policiais militares chegaram a comparecer na unidade momento antes da fuga e ouviram o homem. Segundo disse, estava às margens do rio Araguari, na primeira entrada para a represa de Capim Branco 2, quando criminosos se aproximaram e efetuaram disparos de arma de fogo em sua direção.

Ainda conforme afirmou, imediatamente correu para a mata existente nas proximidades e se abrigou, percebendo que tinha sido atingido por um tiro na coxa. Pouco depois, os autores desapareceram.

Os policiais fizeram alguns questionamentos, mas a vítima, bastante exaltada, acabou entrando em contradição, inclusive não sabendo explicar se havia alguém em sua companhia e quem teria levado a mesma para atendimento médico. Em certo momento, falou que sua esposa o socorreu, porém, não quis repassar mais detalhes.

Conforme colocado pela PM, diante da situação não havia consistência para registrar um boletim de ocorrência de homicídio tentado, sendo lavrado um Reds de outras contra a pessoa, uma vez que o disparo de arma de fogo pode ter sido acidental.

Em contato com policiais da vizinha cidade, a reportagem apurou que Marcos Vinicius tem várias passagens criminais por delitos contra o patrimônio, roubo e posse de drogas. Foi preso em algumas oportunidades, sendo recolhido pela última vez entre setembro de 2018 e fevereiro de 2019, no Presídio Professor Jacy de Assis.

Até o fechamento desta edição, o homem continuava em local incerto e não sabido, apesar do grave ferimento na perna.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: