Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Homem é flagrado com noventa e quatro pedras de substância semelhante ao crack no Novo Horizonte

qui, 13 de setembro de 2018 05:40

Da Redação

Diversas ocorrências de tráfico de drogas foram registradas nos últimos dias

Na última terça-feira, 11, por volta das 19h, a Polícia Militar realizava patrulhamento pelo bairro Novo Horizonte quando avistou um indivíduo despejando um invólucro plástico no chão. Os militares o abordaram e verificaram o que foi descartado. Segundo a PM, a embalagem continha noventa e uma pedras pequenas e duas maiores de substância amarelada semelhante ao crack e quatro buchas embaladas com conteúdo análogo à maconha.

No bolso do suspeito foram encontrados duzentos e cinquenta reais. O jovem recebeu voz de prisão em flagrante e foi encaminhado juntamente com as drogas e o dinheiro à delegacia de Polícia Civil.

Menor envolve-se com tráfico

Pouco antes, no mesmo dia, por volta das 18h15, os militares se depararam com um indivíduo conhecido no meio policial, o qual possui denúncias anônimas em seu desfavor. De acordo com informações passadas pela PM, ao avistar a viatura o menor infrator apresentou sinais de nervosismo e foi abordado.

Durante buscas pessoais os militares encontraram um recipiente plástico no bolso dele, contendo trinta pedras de substância com odor e características semelhantes ao crack, prontas para o comércio. O menor confessou ter mais do conteúdo em sua residência. Os militares foram até o local e, após contato com o seu genitor, entraram na casa, onde encontraram vinte tabletes de substância semelhante à maconha, nove dolas de material análogo a cocaína e a quantia de R$ 407,00 em moeda corrente.

O menor recebeu voz de apreensão e foi encaminhado, acompanhado de seu pai, à Delegacia de Polícia Civil juntamente com os materiais apreendidos.

Tráfico no bairro Amorim

O bairro Amorim foi alvo de prisão por tráfico de drogas no último sábado, 8. O fato ocorreu por volta das 23h na rua Padre Nicácio, bairro Amorim, durante patrulhamento preventivo. Os militares se depararam com um indivíduo conhecido no meio policial por tráfico de drogas, o qual era alvo de denúncias de que ele vendia as substâncias ilícitas no referido endereço.

Os militares deram voz de parada ao suspeito, porém ele evadiu para a garagem da residência e jogou um objeto em cima do telhado de seu vizinho. Mesmo assim, foi abordado na garagem com R$ 508 em notas diversas.

Prosseguindo as buscas, a polícia encontrou no telhado um invólucro de plástico verde contendo em seu interior treze tabletes de substância esverdeada semelhante à maconha e uma porção de substância semelhante ao crack, ambas embaladas e prontas para o comércio. O homem recebeu voz de prisão em flagrante, mas afirmou que a droga pertencia a seu neto. Ele foi conduzido à delegacia junto com as substâncias ilícitas.

Conhecidos no meio policial

Um homem e uma mulher conhecidos no meio policial por tráfico de drogas foram abordados em duas motocicletas pelas guarnições policiais no feriado do dia 7 no bairro Amorim. Quando avistaram os militares, tentaram se livrar de um pacote, jogando-o ao solo. Durante a abordagem, o homem disse que estava apenas conversando com a mulher. Segundo a PM, ao verificar o material descartado, foram encontrados dois tabletes de substância esverdeada com odor e semelhança a maconha.

Questionado sobre a droga, ele confessou que havia adquirido naquele momento da mulher, a qual negou os fatos e relatou ter ido ao se encontro para receber um valor que ele devia a seu esposo. Os militares a questionaram sobre irregularidades, momento em que ela confessou ter um tablete de maconha em sua residência localizada na rua Goiás. Ambos receberam voz de prisão em flagrante delito.

As motocicletas estavam com a numeração do quadro e do motor raspadas e as placas não condiziam com os veículos sendo que os mesmos foram encaminhados pelo guincho ao pátio.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: