Domingo, 15 de Dezembro de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Feriado prolongado apresenta redução em número de acidentes e mortes em Minas Gerais

ter, 25 de junho de 2019 05:20

Com Assessoria

Houve queda de 39% nos acidentes em rodovias federais; nas estaduais, uma pessoa foi presa a cada duas horas por embriaguez ao volante

O feriado de Corpus Christi foi menos trágico nas rodovias federais de Minas Gerais neste ano se comparado com 2017, último em que houve registro da quantidade de acidentes e mortes. É o que aponta o balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta segunda-feira, 24; houve uma redução de 39% no número de acidentes.

Dos 106 notificados ao órgão durante a operação especial de feriado, que aconteceu em conjunto com a operação Copa América, 143 pessoas ficaram feridas e duas morreram em diferentes ocorrências. Em 2017, o número de acidentes foi 148, além de 150 pessoas feridas e quatro pessoas mortas.

Feriado prolongado apresenta redução em número de acidentes e mortes em Minas Gerais

Feriado prolongado apresenta redução em número de acidentes e mortes em Minas Gerais

 

O primeiro acidente com vítima fatal registrado neste ano aconteceu em Nova Serrana, na região Centro-Oeste do Estado ainda na noite da quarta-feira, 19, durante a saída para o feriado. Uma colisão frontal entre três carros e um caminhão deixou uma pessoa morta, na BR-262.

O outro aconteceu na manhã de sexta-feira, 21, na BR-251, altura de Grão Mogol, região Norte de Minas. Um caminhão saiu da pista e deixou uma pessoa morta.

Segundo a corporação, imagens de radar garantiram a aplicação de 4.580 multas por excesso de velocidade, além de 337 por ultrapassagens proibidas. Quanto à Lei Seca, foram 406 testes de etilômetro, 50 pessoas foram autuadas e sete levadas para a prisão.

Operação conjunta

Se em 2018 não foi possível realizar uma operação especial para tentar frear acidentes e infrações durante o feriado santo, dada a greve dos caminhoneiros, neste ano ela ocorreu em conjunto com a operação Copa América. Além de contabilizar o número de ocorrências, resultou também em apreensões de drogas.

A ação especial começou em 27 de maio e será prolongada até 12 de julho. Por meio de sua assessoria, a PRF informou que a operação Corpus Christi contou com o apoio de policiais que vieram para o evento esportivo, mas também com a colaboração dos motoristas, “essencial para o resultado positivo”, informou.

Viaturas, motos, etilômetros e até um helicóptero foram alguns dos instrumentos disponibilizados para cumprimento da operação. O efetivo de policiais envolvidos não será informado por questões estratégicas.

Fora a prevenção de acidentes, a operação Copa América tem resultado em apreensões de grandes quantidades de droga e outros produtos ilegais. Em 18 de junho, por exemplo, equipe de policiais revistaram um caminhão-baú onde eram transportados quase 6.000 pares de calçados falsificados, na BR-262.

Durante o Corpus Christi, agentes apreenderam 34 kg de maconha na BR-262, na altura do município de Floresta, região metropolitana de Belo Horizonte, isso no dia 22. Um dia antes, na sexta-feira, foram apreendidos outros 80 kg da mesma droga na BR-381, em Belo Horizonte.

 

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: