Terça-feira, 12 de Novembro de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Familiares buscam doador de medula óssea para capitão do Corpo de Bombeiros

qui, 6 de fevereiro de 2014 00:41
Familiares realizam campanha para encontrar doador para o capitão do Corpo de Bombeiros. Foto: Divulgação

Familiares realizam campanha para encontrar doador para o capitão do Corpo de Bombeiros. Foto: Divulgação

GABRIELA GOMES – Acontece hoje, 6 de fevereiro, das 6 as 11h, no contingente da Polícia Militar situado na avenida Santos Dumont, 739, Aeroporto, a campanha de doação de medula óssea para salvar a vida do araguarino e ex-comandante do Corpo de Bombeiros do município, Renato Aguiar, que atualmente é capitão em Uberaba.

A ação, que está sendo organizada pela família do mesmo, conta com o apoio de toda a corporação do Corpo de Bombeiros de Araguari. A doença foi descoberta no ano passado e mobilizou todos os parentes e amigos que estão agindo com o lema “Salve a vida de quem salva vidas”.

De acordo com o sargento Lucenildo Batista Alves do 8º Pelotão de Corpo de Bombeiros de Araguari, desde quando a doença foi descoberta, todas as frações do Estado foram motivadas a fazer a doação, possibilitando assim, salvar outras vidas.

Para realizar a doação, a pessoa precisa ter entre 18 e 55 anos e boa saúde. Porém, os doadores precisam preencher um formulário com dados pessoais e, o Hemoninas irá coletar uma amostra de sangue com 5 a 10 ml para testes.

Estes determinam as características genéticas necessárias para a compatibilidade entre o doador e o paciente. Em caso de resultado positivo, o doador é então chamado para exames complementares e para realizar a doação. Sendo assim, a medula é retirada do interior de ossos da bacia, por meio de punções, sob anestesia, e se recompõe em apenas 15 dias.

“Para o doador, este ato será apenas um incômodo passageiro. Para o doente, representa a diferença entre a vida e a morte, mesmo que a chance de encontrar uma medula compatível seja, em média, de uma em cem mil”, finaliza o sargento Lucenildo.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: