Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Equipe técnica da secretaria de Agricultura esteve em Brasília protocolando pedido de equivalência do SIM – Araguari para SISBI

sex, 4 de outubro de 2019 05:36

Com Assessoria

Nesta quinta-feira, 3, o secretário de Agricultura Danilo Franco Gonçalves, representando o prefeito Marcos Coelho, juntamente com o diretor do Serviço de Inspeção Municipal (SIM) Mayron Ramos; o médico veterinário Sérgio Adachi e empresários de Araguari, estiveram em Brasília acompanhados do deputado Zé Silva (Solidariedade) em reunião no Ministério da Agricultura com o secretário da Defesa Agropecuária, José Guilherme, para protocolarem o pedido do SIM – Araguari à equivalência do SISBI.

O SISBI, criado pelo Mapa, padroniza e harmoniza os procedimentos de inspeção de produtos de origem animal para garantir a segurança alimentar. O sistema é uma alternativa às empresas que queiram exportar para outros estados e não tenham o Serviço de Inspeção Federal (SIF). Tanto estado quanto municípios podem aderir ao Sisbi.  É necessário, no entanto, atender aos requisitos impostos pelo Mapa – Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento.

”Araguari está situada em um lugar privilegiado, com uma das principais rodovias, a BR-050. Dessa forma, fazendo parte do SISBI, várias empresas podem se instalar na cidade e aquelas que existem se adéquam ao que será pedido, aquecendo a economia do município, gerando mais empregos e desenvolvimento para a cidade”, explicou o secretário de Agricultura.

“O SISBI vai permitir que as indústrias de pequeno e médio porte, como também as agroindústrias, consigam ampliar sua produção por estarem habilitadas para vender para fora. Dessa forma geram mais empregos, renda e competitividade dos produtos oriundos dessas indústrias e das agroindústrias; estamos agora no aguardo da equipe técnica do IMA para a auditoria”, frisou o prefeito Marcos Coelho.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: