Domingo, 20 de Janeiro de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Denúncia sobre qualidade dos serviços de transporte coletivo é refutada por empresa

sex, 11 de janeiro de 2019 05:39

Da Redação

Direcionada ao MPMG no início do ano passado, CAF comprova boa prestação de serviços no município

Uma denúncia encaminhada ao Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) sobre más condições na prestação e serviços de transporte coletivo em Araguari no início do ano passado deve ser encerrada em breve, é o que afirma o secretário de Trânsito, Transportes e Mobilidade Urbana do município, Luiz Antônio Lopes. “A última reunião foi no ano passado e a empresa provou os bons serviços prestados.” A informação não pôde ser confirmada no MPMG até o fechamento da edição.

Problemas de acessibilidade estavam entre os relatados denunciados

Problemas de acessibilidade estavam entre os relatados denunciados

 

Em média 150 mil passageiros são transportados mensalmente pelo serviço. Em contato com a empresa que realizou o transporte coletivo até 2028 na cidade, CAF Transportes, um dos diretores relata que a denúncia era voltada à antiga prestadora do serviço. “Essa denúncia refere-se à época da antiga empresa e nós acabamos sendo intimados, era sobre a questão de elevadores que não funcionavam, entre outros”, disse Henrique Alves de Meireles Ferreira, diretor da CAF.

Segundo ele, as provas de que o serviço realizado pela CAF estava dentro dos padrões foram apresentadas à Settrans. “Solicitamos a visita da secretaria de Trânsito aqui, tiraram fotos dos veículos, comprovaram as boas condições de conservação dos veículos em geral e o processo foi extinto.”

Melhorias

A CAF Transportes relatou à Gazeta do Triângulo que diversas melhorias foram implantadas pela empresa no sistema de transporte coletivo no município. Dentre elas:

- aquisição de quatro veículos novos para a frota

- processo de padronização dos ônibus com emblema da prefeitura

- sistema de bilhetagem eletrônica

- reconhecimento fácil de idosos

- cadastramento de todos os idosos, com entrega de cartão

- implantação de aplicativo para acompanhamento de previsão de chegada dos ônibus nos pontos

Além disso, o diretor da CAF afirma que novos investimentos devem ser feitos durante o período de concessão da empresa. “Futuramente planejamos remodelar as linhas de transporte, criar novas linhas, mas ainda depende de estudos para implementarmos. Estamos trabalhando para cada vez atender melhor ao usuário e ser reconhecida a boa prestação e serviço.”

Conforme o secretário de Trânsito, Luiz Antônio Lopes, existe uma constante reclamação sobre a falta de cobertura no ponto do Mercado Municipal, na rua Afonso Pena. “Na próxima semana vamos tratar com a CAF a respeito de uma parceria para mudarmos o ponto final dos ônibus para a praça Getúlio Vargas e lá colocarmos o ponto com cobertura.”

Conforme relata, o Mercado Municipal continuaria como ponto de parada, somente não serviria mais de terminal. “Não vamos tirar os pontos de lá, até porque isso mataria o comércio do Mercado, mas não vai ser o terminal mais, será apenas uma parada. Nós vamos tratar isso a partir de semana que vem com a empresa.”

1 Comentário

  1. Douglas. disse:

    E comércio disseram que não precisam do transporte para faturar suas vendas… Disse um comerciante a época da greve dos motoristas alegando seu comércio não ser afetado na época.

Deixe seu comentário:

Cancelar Resposta