Domingo, 25 de Agosto de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Coordenador da CUFA fez uso da tribuna na Câmara Municipal

qua, 24 de abril de 2019 05:23

por Laura Alvarenga

O coordenador geral da CUFA (Central Única das Favelas) de Araguari, Agnaldo da Silva – Zulu, fez uso da tribuna na Câmara Municipal dos Vereadores na manhã desta terça-feira, 23. Após realizar a inscrição ainda no ano passado, Zulu foi chamado pelos vereadores para expor o trabalho da Central.

Coordenador da CUFA fez uso da tribuna na Câmara Municipal

Coordenador da CUFA fez uso da tribuna na Câmara Municipal

 

A CUFA é uma entidade não governamental com sede no Rio de Janeiro. Hoje está presente em 300 cidades brasileiras e em outros 17 países que visam a integração social através do esporte, cultura, educação e lazer. A Central realiza o atendimento de crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social por meio de oficinas culturais desportivas, além de apresentações em eventos.

Todo o trabalho é executado por jovens egressos da própria instituição e alguns voluntários no Centro de Referência Negra “Rainha Benedita”, um espaço cedido como sede da CUFA em Araguari pela Faec (Fundação Araguarina de Educação e Cultura).

O intuito é promover a integração social de comunidades menos privilegiadas com a realização de eventos culturais, esportivos e educativos, buscando se tornar uma ONG referência em Araguari ao atingir maior número de atendimentos no município.

De acordo com o coordenador geral da CUFA, Zulu, a ida à tribuna da Câmara Municipal teve por objetivo manter a parceria com o Legislativo que sempre se mantém unânime na aprovação de projetos referentes à entidade. Segundo ele, o Legislativo foi de suma importância para a criação do ‘Dia Municipal de Luta Contra a Discriminação Racial’, a lei de criação da Superintendência, Conselho e Fundo de Promoção da Igualdade Racial, termo de fomento, bem como várias outras ações apresentadas aos vereadores de Araguari.

Zulu destaca, ainda, a importância de a população entender o exercício dos três poderes e espera apresentar um projeto de colaboração com a Escola do Legislativo. “É importante a população entender o que é o Legislativo e, que o papel do vereador é apresentar e votar leis e não pagar o gás ou a conta de luz das pessoas. Muitos confundem o Legislativo com o Executivo e, creio que podemos ajudar a capacitar esse público para que possam entender o real papel do vereador — legislar e fiscalizar.”

Projetos

A CUFA espera realizar um projeto em parceria com a prefeitura por meio da Faec, Câmara Municipal, TV Integração e escolas da comunidade. O projeto é voltado à realização de cinco edições do Projeto Ruas, Cultura e Movimento; ministrar quatro oficinas gratuitas, fechando com um festival de apresentação destes resultados. Espera-se também, realizar uma competição de futsal, desfile de beleza negra, entrega do Prêmio Destaque Negro e um encontro de capoeira com todos os grupos da cidade.

O objetivo destas ações se baseia nos altos índices de criminalidade, visando buscar a cultura de paz; harmonizada com ações empreendidas, além de oferecer atendimento à comunidade onde a administração municipal por vezes não consegue chegar. Para a execução do projeto, caso seja aprovado, espera-se conseguir uma verba no valor de R$ 40 mil que serão destinados em melhorias no atendimento prestado aos usuários das oficinas oferecidas, possibilitando cachê e, fortalecendo o setor cultural nas apresentações das ruas de lazer, além de disponibilizar um serviço de qualidade à comunidade.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: