Terça-feira, 14 de Julho de 2020
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Coluna: Da Redação

sáb, 27 de junho de 2020 15:49

FOLGA

Chegou o final de semana e com ele o perigo de muitas festinhas clandestinas, que, nesses dias de pandemia é um perigo para a proliferação da Covid-19. O que a população precisa nesses tempos é se conscientizar e ajudar a ‘barrar’ esse fatídico vírus.

 

BAFAFÁ

Assunto bastante comentado na cidade ontem, foi o pouso em terras araguarinas de helicóptero da Força Aérea. Segundo informações, a visita teria o objetivo de “reconhecer terreno” para visita do Presidente da República, Jair Bolsonaro. Um passarinho verde ainda nos contou que, provavelmente, essa visita acontecerá hoje.

 

CONTRAGOLPE

Está circulando na internet, vídeo do prefeito Marcos Coelho, rebatendo a denuncia do depurado federal Zé Vitor, inclusive, incumbindo ao mesmo a indicação do ex secretário de saúde, e ainda, cobrando mais ações do parlamentar: “Você tem 15,4 milhões de emenda impositiva. Quanto você pôs por Araguari? Araguari não merece mais?”

 

PRAZO

O prazo para a entrega da declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) termina na próxima terça-feira, dia 30 de junho. A Receita alerta que os contribuintes não deixem a entrega para última hora. Se perderem o prazo, estarão sujeitos ao pagamento de uma multa mínima de R$ 165,74 e máxima de 20% do imposto devido. Até a manhã de ontem, 24.647.002 declarações haviam sido recebidas pelos sistemas da Receita. O volume esperado é de 32 milhões de documentos.

 

ABC

Em pronunciamento em suas redes sociais o governador Romeu Zema, acenou para a volta às aulas presenciais no segundo semestre deste ano. Mas a retomada do calendário escolar vai depender da situação do estado perante à pandemia do novo coronavírus.

 

SERÁ

Com relação à volta as aulas, o que pensamos é que essa previsão é muito precoce, e alguns especialistas pregam é que esse ano já foi perdido.

 

QUERO MAIS

Prefeitos da região enviaram nota de protesto aos deputados federais para reivindicar que eleições municipais não sejam realizadas este ano, devido à pandemia do coronavírus. No documento, o grupo também se manifesta contra a proposta aprovada no Senado para adiar o pleito de outubro para novembro. O texto foi aprovado em dois turnos pelos senadores e agora aguarda votação na Câmara Federal.

 

NA LUTA

A mobilização está sendo feita pelos prefeitos da região Triângulo Sul, que reúne 27 cidades. Na nota, os gestores afirmam estar preocupados e indignados com a aprovação no Senado do adiamento das eleições para novembro. Com isto, o grupo pede o apoio dos deputados federais para votarem contra o projeto e defenderem a suspensão do pleito em 2020, por causa da impossibilidade de prever o cenário da pandemia de Covid-19 no país neste período.

 

POUCO TEMPO

Ainda conforme o documento, o principal foco dos gestores no momento precisa ser o enfrentamento à pandemia e o adiamento das eleições por 30 dias não será suficiente para resolver a situação. Além disso, os prefeitos afirmam que a manutenção do pleito em 2020 pode representar condições desiguais entre os candidatos. A nota também pondera que os candidatos que são do grupo de risco podem ter a participação prejudicada no pleito.

 

FINALIZANDO

Por fim, os gestores da região manifestam que o Tribunal Superior Eleitoral está vinculado ao que for decidido pelo Congresso Nacional, seja pela manutenção da data ou pela apresentação de uma emenda constitucional que altere o cronograma. Fechando o manifesto, eles citam o seguinte: ‘Por este motivo só nos cabe recorrer aos nobres deputados, para que analisem esta situação, como se as eleições fossem para o cargo de deputado e senador. [...] Não há clima político, econômico e emocional para disputas de eleições para prefeitos e vereadores frente a uma questão tão grave como a que enfrentamos. [...] Requeremos pela não-realização das eleições municipais no corrente ano’.

1 Comentário

  1. anonimo disse:

    27 prefeitos querem prorrogar o mandato para continuarem mamando juntamente com seus aliados e usam a desculpa de estarem preocupados com o Coronavírus.

Deixe seu comentário:

Cancelar Resposta