Quinta-feira, 12 de Dezembro de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Câmara Municipal anuncia questionamentos sobre a legalidade do concurso público da prefeitura

qua, 22 de junho de 2016 05:50

Da Redação

A prova do concurso público da área da Saúde, realizada no dia 5 de junho, foi motivo de discussão na sessão da Câmara desta terça-feira, 20. Com o objetivo de atender a diversas reclamações, na sexta-feira, 17, o representante da Casa Legislativa, juntamente com os vereadores Cláudio Coelho (SD), Rafael Guedes (SD), Levi Siqueira (PMDB), Wesley Lucas (PPS), Dhiosney de Andrade (PTC), José Ricardo (PPS) e Eunice Mendes (PMDB), protocolou ofício no Ministério Público solicitando que o resultado final do concurso seja adiado até que se apurem os indícios de favorecimento a determinados candidatos.

Conforme consta no documento, há denúncias de que as provas do concurso foram impressas em Araguari, poucas horas antes do início do exame. Tal informação foi relatada por um dos fiscais de sala.

Vereadores debatem sobre possível falta de lisura na realização das provas

Vereadores debatem sobre possível falta de lisura na realização das provas

 

De acordo com o ofício, as provas, que possivelmente não continham o nome da empresa responsável, foram aplicadas por servidores da prefeitura sem qualquer lacre ou selo que impedisse o conhecimento prévio do conteúdo. Segundo denúncias, pessoas ligadas à prefeitura estariam ofertando gabaritos mediante o pagamento de cinco mil reais.

Também inclui no ofício enviado ao Ministério Público o nome de sete pessoas que estariam previamente aprovadas. Outro ponto elencado é de que não foi respeitada a exigência de que os três últimos candidatos deixassem a sala ao mesmo tempo.

Para o presidente da Câmara, Giulliano Sousa Rodrigues (PTC) são denúncias sérias que devem ser apuradas o mais rápido possível.  “Sabemos que milhares de pessoas pleiteiam a vaga e realmente precisam deste emprego. Se tiver realmente havido favorecimentos a nossa expectativa é de que haja punição. Fizemos a nossa parte, e agora cabe ao Ministério Público averiguar se realmente houve tais irregularidades. Lembrando que a Procuradoria geral do município abriu sindicância para apurar as denúncias.”

O secretário de Administração e presidente da comissão de fiscalização do concurso, Braulino Borges, disse à reportagem que há doze anos não acontecia concurso público em Araguari, o que pode ter causado insatisfação por parte de algumas pessoas, as quais tentam prejudicar a atual gestão.

“O processo simplificado é muito frágil e a Constituição veda esta prática, permitindo que aconteça apenas em casos de emergências. Temos trabalhado de maneira honrosa em prol da população a fim de garantir ações que favoreçam a lisura. Mas estamos tranquilos quanto a isso, pois agimos de maneira lícita. Nenhum dos candidatos listados como pretensos aprovados conseguiu nota suficiente”, destacou.

Mais de 4500 pessoas participaram do concurso. Se não houver nenhum impedimento, as 384 vagas devem ser ocupadas brevemente. A classificação final será divulgada na próxima semana. O resultado provisório, estritamente disponível aos candidatos, pode ser conferido no site do Instituto Nosso Rumo responsável pela realização do certame: (www.nossorumo.org.br)

25 Comentários

  1. Rui Ramos disse:

    Eu participei de tal concurso,não foi percebido nada ilegal,as provas constam o nome da banca realizadora,foi avisado que as 3 ultimas # pessoas ficariam e sairiam juntas,acho bem improvável que conseguissem imprimir 5000 provas poucas horas antes,acho que os vereadores tem que fiscalizar mas serem honestos e imparciais,e se forem contra o prefeito pelo menos respeitar os eleitores que não são trouxas e percebe-se aí,jogo político.

  2. Rui Ramos disse:

    OBS :Estou falando não é porque fui aprovado fui aprovado sim mas com nota baixa, pois as provas estavam difíceis e bem elaboradas isso não passa de pessoas que querem atrapalhar o concurso público.Provavelmente nem devo ficar entre os classificados apena penso que deve haver honestidade e respeito pelos candidatos que fizeram o concurso.

  3. kelly disse:

    Na sala que eu fiz não foi dito isso dos três últimos permanecerem na sala ate o final. a fiscal em nenhum momento disse tal coisa.
    E na questão da prova ter o nome da banca organizadora, TENHO COMO PROVAR PORQUE A MINHA NÃO TEM LOGO NENHUM. SOMENTE O SÍMBOLO DE ARAGUARI.

  4. RAQUEL IRIS FERREIRA PRADO disse:

    MEUS FILHOS FIZERAM O REFERIDO CONCURSO E DISSERAM QUE TUDO CORREU DENTRO DO QUE ESTABELECE A LEI E O EDITAL ; QUANTO AOS VEREADORES EM QUESTÃO POR FAVOR CUIDEM DO QUE PRECISA SER FISCALIZADO E DEIXEM A CIDADE CRESCER PELO AMOR DE DEUS .

  5. Rogerio disse:

    Engraçado o Senhor secretario ter tanta certeza que os “supostos” candidatos que compraram o gabarito por 5 mil sendo que o resultado final não saiu. Sendo que o mesmo não é funcionario da organizadora. Muito estranho

  6. wesley disse:

    O secretário de Administraçao foi muito feliz na sua colocação. A realização do certame, incomoda aqueles que estavam acostumados a nomear seus protegidos.

  7. juliana disse:

    A realização do concurso incomada pessoas que são contratadas e não querem perderem seus cargos para as pessoas que passarem no concurso estão fazendo de tudo para cancelarem o concurso que foi realizado com os mesmos procedimentos dos anteriores, já fiz concurso e funcionários da prefeitura estava nas realizações das provas e nem por isso houve fraude não tenho ninguém que me favoreceu apenas estudei acorda araguari presta atenção existe pessoas contra a atual administração fazendo isso por interesse próprio.

  8. Garliene Paiva disse:

    Eu participei do concurso publico de Araguari, as perguntas com duplo entendimento da resposta correta, induzindo o candidato a marcar uma ou outra e o resultado sendo negativo no acerto, outro item que não gostei, e vi dentro da sala, foi o celular, não foi desmontando como pedem no ENEM, o candidato recebe envelope e com lacre, no concurso pediram só desligado e colocando em um saquinho plástico sem vedação, lembrando que no edital fala não ir com nenhum produto eletrônico, entendo que o fiscal tinha que tirar da sala imediatamente o candidato com celular mesmo desligado e solicitar o retorno sem o celular. Outro ponto negativo, um fiscal somente, para: “receber” o candidato, “conferir” e “fiscalizar”, neste ponto impossível fiscalizar uma sala cheia como foi a minha, deixando veraneável a aplicação da prova, e no relato da fiscal antes de iniciar a prova, não foi dito que no termino ficaria 3 pessoas, e nem no quadro foi escrito, no ENEM escrevem no quadro também esta informação, não tinha orientador(relógio) para acompanhar o horário da prova, a fiscal relatou que não tinha e fez um retângulo no quadro, onde foi marcando, pois nem relógio na parede também não tinha. Quanto as questões, foi tirado do dicionário sem nenhuma outra menção dada em qualquer instituição de ensino, teve 3 questões furadas, do qual fiz reclamação no site depois que recebi meu gabarito provisório, e a resposta que mandaram foi o gabarito definitivo, mas com outra questão furada , no meu entendimento como citei, foram 3 e considerarão 1. Outro ponto negativo, é a nota ser menor que 50, neste caso tira o candidato da disputa, o correto e deixar de 0 a 100 como no ENEM, candidato cair na classificação geral, e só abaixo de 45 o candidato seja desclassificado, com as 3 questões furadas na prova, tem questões que não tem nada a ver com a interpretação do texto conforme pesquisa que fiz e mandei para o site, e mandei também o link com as perguntas e respostas corretas .. Eu sou a favor de outra prova, mesmo acertando tudo em conhecimentos gerais.. e algumas nas demais questões, pois ficou confuso no momento da prova. A empresa que foi terceirizada para fazer esta prova me pareceu amadora ao dar a referida prova como foi dada, ouve irregularidades no processo, não tenho a menor duvida, ficaria mais bonito reconhecerem e tomarem as atitudes cabíveis dentro da legalidade, Aqui fica minha observação sobre este assunto, e no dia mesmo postei no imbox do face para o delegado da Policia Civil.

  9. Garliene Paiva disse:

    *vulnerável

  10. Ana disse:

    Eu fiz a prova e estava num nível razoável ao que pedia o edital, de fácil entendimento, realizada como pedia o edital.
    Acertei bastante, agora estão querendo anular o concurso para favorecer quem já está nomeado para os cargos.

  11. juliana disse:

    Qual concurso filha você já viu relógio na parede celular tem que estar desligado você marcou as questões que achou correta ninguém te induziu marcar respostas e você não esta fazendo prova de Enem com certeza levou ferro por isso quer outra prova

  12. Garliene Paiva disse:

    Em tempo..Correto seria duas pessoas em sala fiscalizando.. Quem concordar com tais atitudes irregulares, com certeza se beneficiaram com informações pagas como foi citado na matéria. Ações justas, e a justiça seja feita conforme tem que ser.. Independente de qualquer coisa, eu fiz inscrição, paguei e no minimo mereço respeito, como respeito.

  13. juliana disse:

    Estão falando de coisas que não faria diferença de qualquer forma é difícil agradar a todos estão procurando erros onde não tem você por exemplo nunca deve ter feito concurso não sabe de nada é reprovada e quer outra prova essa é boa kkkkkkkkkk

  14. Calos disse:

    Estão falando de coisas que não faria diferença de qualquer forma é difícil agradar a todos estão procurando erros onde não tem você por exemplo nunca deve ter feito concurso não sabe de nada é reprovada e quer outra prova essa é boa kkkkkkkkkk

  15. Garliene Paiva disse:

    Em tempo dois…>> A empresa tem preparo para aplicar a prova?? .. Ela permitiu entrar com eletronico desligado em sala e demais pertences, quebrando regra no edital, e colocou só um fiscal em sala, o processo ficou vulnerável…

    Cabe a prefeitura apurar e perguntar: “Quem autorizou usar saquinho plastico sem vedação, e colocar celular “desligado” e demais pertences·??”"… Cabe agora os fiscais que trabalharam serem justos e apontarem quem mandou.

  16. Douglas Nascimento disse:

    Fiz a prova e obtive nota satisfatória, mas na minha sala a 72 (Concurso 101- Administrativo), houve irregularidades. Alunos trocando respostas sem nenhuma intervenção do fiscal. E no início, antes das provas serem aplicadas, a fiscal leu as instruções e disse claramente em alto e bom tom que não seria necessário a permanência dos 3 últimos candidatos. Só não afirmo o que não vi e o que não sei, que é sobre a comercialização do gabarito. No entanto, boatos se transformaram em suspeitas que levaram à denúncia e que já está transformando em evidências. Quem está defendendo de que não houve irregularidades está sendo omisso ou foi privilegiado. Das duas, uma.

  17. Rosiane disse:

    Fiquei emocionada ao saber que um vereador dessa cidade está realmente “preocupado” com a situação das pessoas que necessitam do emprego público . Mas o que de fato me emociona , é a preocupação da Câmara em apurar irregularidades no concurso. Ora ,como o próprio servidor mencionou , há doze anos que não se realiza concurso em Araguari . Doze anos ! Enquanto isso, quem são os ocupantes dos cargos públicos ? De que maneira essas pessoas conseguiram trabalhar na prefeitura ? E a CCâmara, se posiciou quanto à legalidade da ocupação desses cargos ?Os vereadores se preocuparam com essa situação?São muitas perguntas cujas respostas boa parte de nós já sabe. Fiz o concurso . Acredito que não houve irregularidades. Caso haja , quero que apure. E que tudo seja esclarecido . E providências tomadas. Agora, quero também que o concurso se consolide . Que ele seja finalizado e que a Prefeitura convoque os classificados . Tudo conforme a lei. E tudo com muito respeito aos cidadãos araguarinos que como eu, já estão cansados dessa jogada política suja para destituir concursos aqui.

  18. Rosiane disse:

    Ah, minha nota foi mediana e não concordo com o cancelamento do concurso . Nem tampouco com irregularidades e atitudes corruptas no processo do concurso . E concordo muito menos quem “aceita” emprego público por ter sido “indicado” , ou em troca de favores . Isso é sujeira do mesmo jeito.

  19. juliana disse:

    Que nível de candidatos, ridículo os comentários da maioria. Quem faz concurso sabe de todas as regras nem precisa ficar falando porque quem foi deve ter lido o edital pessoas serias que vai fazer esse tipo de prova não fica pegando colinha em concurso concentra na prova e não fica inventando historias cabulosas que tristeza que pessoas sem cultura sem ética como querem ser funcionários públicos ?

  20. Rui Ramos disse:

    Que nível de candidatos, ridículo os comentários da maioria. Quem faz concurso sabe de todas as regras nem precisa ficar falando porque quem foi deve ter lido o edital pessoas serias que vai fazer esse tipo de prova não fica pegando colinha em concurso concentra na prova e não fica inventando historias cabulosas que tristeza que pessoas sem cultura sem ética como querem ser funcionários públicos ?

  21. Garliene Paiva disse:

    Que coisa né???….Como posso aceitar este concurso da forma que foi aplicado, se o chefe do executivo vai no centro da cidade e quebra duas regras: Eleitoral e do município (leis). Como posso acreditar no concurso publico , se o secretário toma frente de uma denuncia e desqualifica candidata por não constar o gabarito na relação do fiscal, quebrando outra regra. Tudo serve de aprendizado, e uma certeza o poder muda as pessoas, e esquecem muito fácil das promessas de campanha. Estou no meu direito de cobrar e mostrar, fiz inscrição, paguei com dinheiro honesto e fiz a prova. As irregularidades sejam apuradas no rigor da lei. Assim espero e ficará até mais bonito esta ação justa.

  22. kelly disse:

    Caros candidatos devemos ser democráticos e lutar pelos nossos direitos e deveres. claro que ouve sim irregularidades, e essa banca não sabe muito o que faz como disse comentários acima. pois a primeira coisa que pergunto a todos é ? CADE O LOGO DA BANCA? UMA EMPRESA SERIA VAI REDIGIR UMA PROVA SEM LOGO? nada na prova diz que foi redigido pela tal banca.
    E eu falo por mim, porque também estudei e muito E FUI BEM!!!. mais o que é justo devemos lutar sim. se cancelar por irregularidade acho JUSTO. E como me preparei para esta com certeza também para as demais. Devemos pensar em justiça. e não só em você mesmo.

  23. kelly disse:

    E mais essa banca é sem noção porque colocou questões da lei orgânica do município juntamente com as questões especificas da minha formação.
    Eu sei que isso não pesa em não para alguns, mais para mim é falta de qualificação SIMMMM.
    A banca deveria ter feito melhor seu trabalho. ficou muito a desejar. Não é por que fui bem que não devo admitir.
    E para finalizar a todos que defenderam a banca desculpe me mais discordo total. Banca despreparada.

  24. juliana disse:

    As questões de lei orgânica realmente deveriam estar aonde estavam, pois no edital estava escrito que estas seriam questões da matéria especifica, assim como, a matéria da sua formação. Ou seja, estava no lugar correto. Pelo que pude perceber pelos comentários quase ninguém leu o edital do concurso. Então antes de opinarem por favor leiam.

  25. diane disse:

    mais afinal de contas o concurso foi anulado ou não????

Deixe seu comentário: