Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Beneficiários do FGTS que possuem conta poupança começam a receber valores de até R$ 500

sáb, 14 de setembro de 2019 05:52

Da Redação

A agência da Caixa Econômica Federal em Araguari abrirá neste sábado, 14, para atender clientes que possuem recursos de contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O atendimento acontece das 9 às 15h e será voltado exclusivamente aos trabalhadores que possuem conta poupança. Com o início do pagamento, a agência registrou intensa movimentação nesta sexta-feira, 13, quando grande número de pessoas foi até o local em busca de informações.

Saques começam para os trabalhadores que nasceram entre janeiro e abril

Saques começam para os trabalhadores que nasceram entre janeiro e abril

 

A iniciativa chamada de Saque Imediato foi autorizada pela Medida Provisória nº 889/2019 e permite o saque de até R$ 500 de cada uma das contas, limitado ao valor do saldo. Para saber como acontecerão os pagamentos, a reportagem entrou em contato com a gerência da unidade. A orientação aos trabalhadores é acompanhar o calendário de pagamentos, uma vez que os depósitos serão realizados de acordo com o mês de nascimento do trabalhador.

Nesta primeira etapa, por exemplo, os valores serão recebidos pelos cidadãos nascidos entre janeiro e abril. Os próximos a ter acesso ao saque serão os nascidos nos meses de maio a agosto, a partir do dia 27.  Seguindo a programação, no dia 9 de outubro, recebem os nascidos entre setembro a dezembro. Além da agência, o trabalhador pode realizar o saque em casas lotéricas e caixas eletrônicos. Também é possível fazer o saque em correspondentes Caixa Aqui, com CPF e Cartão do Cidadão. Para quem não possui conta poupança na Caixa, o calendário começará no dia 18 de outubro, para os nascidos em janeiro e se estende até 6 de março de 2020, para os nascidos em dezembro.

Para ter acesso aos valores disponíveis, os trabalhadores podem acessar os canais de atendimento pela central de informações: 0800 724 2019 ou através do site da Caixa, tendo em mãos o número do CPF, do NIS (Número de Identificação Social), do PIS (Programa de Integração Social) ou do Pasep (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) e a data de aniversário. Outra opção para acompanhar as informações sobre o FGTS é o aplicativo, criado pela Caixa que está disponível para download.

Conforme a assessoria do banco, os clientes que não quiserem retirar o dinheiro têm até 30 de abril de 2020 para informar a decisão em um dos canais de atendimento.

Quase 10 milhões de brasileiros pretendem utilizar o recurso liberado para quitar dívidas, mostra pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). Segundo a pesquisa, 45% dos beneficiários têm interesse em fazer o saque. Em relação às dívidas que o beneficiário pretende quitar, o cartão de crédito é o mais citado (42%) na pesquisa. Depois estão as contas atrasadas de telefone, luz, água e empréstimos bancários.

Em Araguari, a liberação do recurso divide opiniões. A funcionária de uma farmácia do município, Fátima Gonçalves Silva afirmou que o pagamento vem em bora hora.  “Com este dinheiro pretendo fazer o pagamento das contas de casa como a água e luz, para ficar mais tranquila durante o mês. Acredito que é uma forma de impulsionar a economia, porque muitas pessoas também farão compras de produtos ou serviços. Quando sobra algum dinheiro, sempre compramos algo para usar, seja uma roupa ou calçado.”

Outros trabalhadores afirmam que não pretendem retirar o dinheiro e preferem deixar guardado para o caso de demissão, pois avaliam que essa quantia fará falta no futuro. “Acho o limite de R$ 500 muito baixo para valer a pena sacar e não quero enfrentar as filas na agência para retirá-lo. Então, prefiro deixar o valor para casos de urgência, pois, não estou precisando agora para dívidas atrasadas. Não sabemos o que pode vir a acontecer, então é melhor ter essa segurança,” contou Alberto Pereira Morais, gerente de uma loja de departamentos do município.

Outra modalidade de saque, válida para o próximo ano, será o saque aniversário. Os trabalhadores interessados poderão comunicar à Caixa a partir de 1º de outubro de 2019. Ao confirmar esta opção, o trabalhador deixará de efetuar o saque em caso de rescisão de contrato de trabalho, entretanto, a decisão de migrar para a modalidade do saque aniversário, não anula a multa de 40% em caso de demissão sem justa causa.

 

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: