Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Araguarino está entre novos promotores de Minas Gerais empossados nesta semana

qui, 6 de fevereiro de 2014 00:44
Novos promotores tomam posse  em Belo Horizonte. Foto: TJMG

Novos promotores tomam posse em Belo Horizonte. Foto: TJMG

 

DA REDAÇÃO – Os 31 candidatos aprovados no 53º concurso para ingresso na carreira do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) tomaram posse no cargo de promotor de Justiça substituto nesta segunda-feira, 3. Entre eles está o araguarino João Paulo Fernandes, 27 anos, filho do ex-deputado estadual Marlos Fernandes e da bancária Amélia Lúcia de Godoi Fernandes. A solenidade, ocorrida na Procuradoria-Geral de Justiça em Belo Horizonte, contou com a participação de autoridades mineiras e de familiares dos novos integrantes do MPMG.

A sessão solene de posse foi presidida pelo procurador-geral de Justiça de Minas Gerais, Carlos André Mariani Bittencourt. Um representante dos candidatos fez a leitura do Termo de Compromisso em nome dos demais. No documento, eles se comprometem a exercer o cargo de promotor de Justiça com dedicação e seriedade, sendo fieis às leis e promovendo a defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis.

A saudação aos novos promotores de Minas ficou a cargo da procuradora de Justiça Maria Odete Souto Pereira. Em seu discurso, ela disse que as instituições são reflexos das pessoas que nela trabalham. E falando sobre a função que os empossados irão exercer a partir de hoje, ela declarou: “nessa difícil jornada encontramos várias pedras no caminho, mas nenhuma delas é irremovível”.

Dos 4 mil inscritos na primeira fase do concurso, considerado de extrema dificuldade e com apenas 33 selecionados, João Paulo Fernandes obteve o 5º lugar. Ele também conseguiu a aprovação para o MP de São Paulo e para a fase oral do concurso de Juiz de Direito no Paraná.

O interesse pelas ciências humanas o levou a optar pelo Direito.  Formou-se aos 23 anos, na Universidade Estadual Paulista – Unesp. Enquanto se preparava para concursos da área, se especializou em Direito Constitucional, além de atuar como advogado no município por quatro anos.

2 Comentários

  1. Carmen Lúcia de Aguiar Tavares disse:

    Eu sempre soube que logo, logo o João Paulo iria chegar onde chegou…
    Inteligente, esforçado e com o perfil de um Promotor de Justiça…
    Perde a Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Minas Gerais, Subseção Araguari…
    Ganha o Ministério Público de Minas Gerais!
    Parabéns, meu pupilozinho da OAB Jovem da nossa Subseção!
    Tenho muito orgulho de você!

  2. Luciano disse:

    Parabéns ao João Paulo não só por esta conquista mas também pela excelente pessoa que é a humildade que tem, Parabéns é mais que mereçedor de conquistas.

Deixe seu comentário: