Domingo, 21 de Abril de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Araguari figura entre as cidades que apresentam índice de dengue “muito alto”

qui, 28 de fevereiro de 2019 05:43

Da Redação

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) divulgou, na última segunda-feira, 25, um novo boletim epidemiológico de monitoramento dos casos de dengue, febre chikungunya e zika no estado de Minas Gerais. A previsão de que os casos prováveis das doenças aumentariam em Araguari se confirmou. Os dados foram colhidos entre 1º de janeiro a 25 de fevereiro.

O Estado está em situação de alerta para esse aumento no número de casos das doenças transmitidas pelo aedes

O Estado está em situação de alerta para esse aumento no número de casos das doenças transmitidas pelo aedes

 

De acordo com o relatório, Araguari está entre as cidades que apresentam índice considerado “muito alto” no Triângulo Mineiro. No município de Uberlândia, por exemplo, foram registrados ainda 3.436 casos de dengue; em segundo na listagem está João Pinheiro com 883. Araguari aparece logo em seguida, sendo confirmados na cidade 753 prováveis casos.

A febre chikungunya também preocupa os araguarinos, pois foram contabilizados 14 possíveis casos que são aqueles confirmados e em investigação. Até o momento, não foi registrado nenhum relacionado à Zika. Apesar do número, também não houve registro de óbitos suspeitos no município.

O Estado, por sua vez, registrou 30.352 casos prováveis de dengue, além de 14 óbitos que estão sendo verificados se há relação com a doença, dois a mais do que no último boletim, divulgado no dia 18 de fevereiro. O número de óbitos supera os nove confirmados em 2018.

O Estado está em situação de alerta para o aumento no número de casos, mas segundo aponta a SES-MG, “um registro maior é esperado para este período, pois, são meses quentes e chuvosos devido à sazonalidade da doença. Por isso, com as chuvas registradas nas últimas semanas, a tendência é de que os próximos boletins apresentem alta no número de casos prováveis das doenças”.

Na tentativa de diminuir os casos, em Araguari o trabalho foi intensificado, principalmente em áreas com maior índice de infestação de larvas. Para isso, a equipe do departamento de Zoonoses vem desencadeando ações como visitas domiciliares e limpeza em casas abandonadas e terrenos baldios.

Segundo o coordenador do departamento, Vicente de Paula Marques de Oliveira, o município vive um surto de dengue e, caso não seja controlado, pode virar uma epidemia. “Apesar de todo o trabalho e empenho da secretaria de Saúde, não é possível controlar o surto sem a ajuda da população. Estamos comparecendo em locais com maior índice, mas a maioria dos focos se encontra dentro de casa. Por isso a população precisa se conscientizar de que é preciso cuidar dos quintais. Essa é uma grande questão que enfrentamos diariamente”, ressaltou.

Ao longo desta semana, também está sendo utilizado na cidade o Ultra Baixo Volume (UBV), popularmente conhecido como fumacê. O caminhão está percorrendo os bairros do município principalmente no fim da madrugada, início da manhã e entardecer.

Casos prováveis de Dengue na região

  • Uberlândia 3.436
  • João Pinheiro 883
  • Araguari 753
  • Prata 336

 

Casos prováveis de Chikungunya na região

  • Araguari 14
  • Uberlândia 11
  • Uberaba 7
  • Santa Vitória 5
  • Sacramento 3

1 Comentário

  1. Sílvio disse:

    Só nos resta parabenizar a atual gestão por seu precioso fracasso administrativo. Araguari está no abandono.

Deixe seu comentário: