Sábado, 24 de Agosto de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

ALAA comemora 51 anos e empossa novos acadêmicos

ter, 13 de agosto de 2019 05:38

Da Redação

Memorável solenidade na noite de 10 de agosto marcou as comemorações alusivas ao 51º aniversário da Academia de Letras e Artes de Araguari – ALAA e da posse de seus quatro novos acadêmicos.

Fundada em 6 de agosto de 1968, a entidade comemorou cinquenta e um anos de atividades ininterruptas voltadas às letras e às artes com profícuas atividades literárias e artísticas realizadas ao longo desse tempo.

Naquele ano de fundação da entidade, um grupo seleto de cidadãos araguarinos se reuniu sob a liderança do professor Abdala Mameri, para criar uma entidade que pudesse congregar jovens e adultos para incentivar e fortalecer a área cultural do município e região.

Surgindo, também, um ano após o nascimento da Academia, o Concurso Nacional de Contos e Poesias que, atualmente, comemora o seu jubileu de ouro com sua 50ª edição.

Passados 51 anos, indiscutivelmente, muito se deve àquele grupo de pioneiros formado por sonhadores, pensadores e idealizadores os quais sempre buscaram o melhor para a cultura local.

Nesse 10 de agosto foram outorgados à personalidades araguarinas o diploma no Grau Benemérito em suas duas categorias: pela expressão artística literária em prol da cultura brasileira, o escritor Gilberto Feliciano de Oliveira, a artista plástica Sandra Regina Maria e mestre Zulu – Agnaldo Daniel da Silva; na categoria gratidão e incondicional apoio prestado à ALAA, os vereadores Wesley Lucas Mendonça (PPS) e Luiz Antonio de Oliveira (PSDB), a professora Sandra Maria Rocha Sales Alves, a empresária Maria Abadia Corrêa Gonçalves e o presidente da Faec Rafael Scalia Guedes.

O evento do cerimonial de posse dos novos acadêmicos, eleitos no dia 19 de agosto, em atenção ao edital nº 001/2019 de 23 de maio do corrente, primeira eleição da entidade aberta ao público em geral por meio de um edital, consistiu na assinatura do Termo de Posse pelo iniciante assumindo todas as responsabilidades e direitos que o Estatuto e Regimento da entidade lhe confere; recebimento da OPA – vestimenta simbólica do acadêmico  e  diploma de Sócio Efetivo.

Com esse ato, foram preenchidas as quatro últimas vagas da ALAA que está, atualmente, com suas 40 cadeiras ocupadas pelos seus respectivos titulares.

Com a participação de diversos membros da entidade, familiares, amigos, imprensa e convidados, os novos acadêmicos foram recebidos por todos os presentes que lotaram o salão nobre da Academia, com entusiasmo e alegria contagiante. Um clima de celebração e muita festa.

A cerimônia de posse foi presidida pelo presidente da ALAA, Edmar César Alves e realizada pelas acadêmicas Elzine Borges Beregeno, secretária e Gessy Carísio de Paula, antiga presidente.

Foram empossados os seguintes acadêmicos: Andréia Aparecida de Ávila Alves Silva, cadeira nº 10, patronesse Carolina Maria de Jesus; Manoel Messias de Carvalho, cadeira nº 26, patrono Abdala Mameri; José Maria Albuquerque Rocha, cadeira nº 24, patrono Padre Caio Albuquerque e Márcio Eduardo Marques, cadeira nº 18, patrono Geraldo França de Lima.

Cada acadêmico teve seu tempo na tribuna onde destacou a satisfação de integrar a equipe de confrades da entidade cinquentenária.

A saudação aos novos acadêmicos foi proferida pelo presidente da ALAA, cumprimentando a todos pelo pleito e concitando-os a fortalecerem ainda mais a entidade que conta com a colaboração de cada um de seus iniciantes. Em seu discurso, enalteceu, ainda, a importância da Academia e a necessidade de os acadêmicos darem continuidade às atividades socioculturais iniciadas pelo seu fundador Abdala Mameri, respeitando seu estatuto e seu regimento interno que são as bases sólidas imprescindíveis para a sobrevivência e a manutenção da Academia de Letras e Artes de Araguari.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: