Sexta-feira, 19 de Abril de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Direito e Justiça

qui, 27 de setembro de 2018 05:39

Abertura-direito-e-justica

Perguntas que não querem calar e que deveriam ter sido feitas (porque aqui é Araguari):

(A PEDIDOS = REITERANDO DJ DE 13.9.2018)

 

1ª.      Cronograma?

A secretaria municipal de Trânsito tem cronograma? Aliás, ela tem secretário…???

 

2ª.      Ginásio Poliesportivo?

Qual? “Ele” fechou, o “outro”, “manteve fechado”, “ele” (de novo) enrola.

 

3ª.      Quem ajuda o Conservatório Estadual de Música?

Ninguém! Ou alguém aí, aboletado temporariamente no poder, tem real e sincero interesse em auxiliar, por alguma forma, o Conservatório Estadual de Música de Araguari? Creio que não. Se nem mesmo o “filho” daquele que lhe empresta (ou dá) o nome o fez, por que o atual gestor haveria de fazê-lo? Não é assim?

 

4ª.      E o descaso generalizado para com a cultura local?

Uma vergonha o que vivenciamos por aqui. Biblioteca pública, museu municipal (se é que tem), arquivo público, congos, carnaval, folclore em geral, edifícios e casarões (realmente históricos), enfim, tudo isso largado, desleixado, abandonado, superado, apodrecendo e caindo aos pedaços. Cidade turística? Faz-me rir!

 

5ª.      Desistiram? Em prol de Araguari?

“Eles” dizem que desistiram de suas candidaturas em prol (em benefício) de Araguari? Mesmo? “Engana-me que eu (não) gosto” Balela! Saltaram fora do barco porque a ficha finalmente caiu, porque não tinham densidade eleitoral e nem mesmo condições financeiras de bancar uma campanha desse tipo. O resto é conversa fiada. É sim! “Lei para inglês ver…”!!!

 

6ª.      Flora e fauna?

“Eles” espertamente (para não dizer mais) alavancaram suas respectivas campanhas eleitorais lastreando-se no socorro aos cachorros e no plantio de árvores. Prestem suas contas! Provem que cumpriram ou que estão a cumprir. “Paga, povo”! (Tesoura de Aço = Eurípedes Martins).

 

7ª.      Shopping Center em Araguari?

Desde 2006 esse engodo é repetido sistematicamente. Alguém ainda acredita? Eu não, pois somos, de fato, cidade-dormitório e bairro da “nossa” “vizinha maior”. Ainda bem que a temos bem ao nosso lado! Atravesso a ponte e tenho tudo o que aqui nos falta, mas que um dia tivemos (ou que poderíamos ter conseguido): shopping center (dos bons), comércio atraente, teatro, cinema, parques bem cuidados, praças limpas, churrascarias excelentes, barzinhos deliciosos….!!! Estou mentindo?

DJ:      É SÓ. POR ENQUANTO…!!!

 

Saiu uma notícia na TV, revelando que os médicos cubanos que foram enviados para o

Nordeste do Brasil desistiram da profissão, pois depararam com muitas doenças das

quais jamais ouviram falar e que não conseguiam diagnosticar ou enquadrar no CID

(Código Internacional de Doenças). Ei-las:

 

  • SPINHELA CAÍDA; DOR NOS QUARTOS; MOLEIRA MOLE; QUEBRANTO;

 

  • TOSSE DE CACHORRO; PASSAMENTO; FRIEIRA; COBREIRO DE PÉ;

 

  • PEREBA; REMELA NO ZÓIO; DORDÓI; GASTURA; DOR NO PÉ DA BARRIGA;

 

  • MPINGE; PANO BRANCO; NÓ NAS TRIPAS; ESTALICIDO; BICHEIRA;

 

  • NGUA; BICHO DE PÉ; EMPACHADO; FASTIO; DOR NO ESPINHAÇO;

 

  • BUCHO QUEBRADO; CALO SECO; UNHA FOFA; PÉ INCHADO;

 

  • BERRUGA; BARRIGA D’AGUA; DIFRUÇO; DOR NA PÁ; CADUQUICE;

 

  • VISTA CANSADA; OS QUARTO ARRIADO; PAPÊRA; DOENÇA DOS NERVO;

 

  • JUÍZO INCRIZIADO; FERVIÃO NO CORPO; SCURICIMENTO DO ZÓIO;

 

  • ESPORÃO DE GALO; BICO DE PAPAGAIO; DOR NA CACUNDA;

 

  • MAU JEITO NO ESPINHAÇO; INTALO; DOR NAS CADEIRA;

 

  • DOR NA JUNTA; PÉ DURMENTE; ESQUENTAMENTO; SOLITÁRIA;

 

  • SAPINHO; ALGUEIRO; ESTOPOR; UNHEIRO; BOQUEIRA; CALOMBO;

 

  • DORMÊNCIA NUMA BANDA DO CORPO; ZÓIO NUVIADO; XILIQUE;

 

  • ÁGUA NAS JUNTA; RESGUARDO; INTUPIDO; FÍGADO OFENDIDO;

 

  • VÊIA QUEBRADA.

 

 

     

 

A CIGARRA E A FORMIGA

 

(Uma versão mais atual e real da fábula de La Fontaine)

 

 

Era uma vez, uma formiguinha e uma cigarra muito amigas.

Durante todo o outono, a formiguinha trabalhou sem parar, armazenando comida

para o período de inverno.

 

Não aproveitou nada do Sol, da brisa suave do fim da tarde e nem o bate-papo

com os amigos ao final do trabalho tomando uma cervejinha gelada.

Seu nome era ‘Trabalho’ e seu sobrenome era ‘Sempre’.

 

Enquanto isso, a cigarra só queria saber de cantar nas rodas de amigos e nos bares

da cidade; não desperdiçou nem um minuto sequer.

Cantou durante todo o outono, dançou, aproveitou o Sol, curtiu prá valer sem se

preocupar com o inverno que estava por vir.

 

Então, passados alguns dias, começou a esfriar.

Era o inverno que estava começando.

A formiguinha, exausta de tanto trabalhar, entrou para a sua singela e aconchegante

toca, repleta de comida.

Mas, alguém chamava por seu nome, do lado de fora da toca.

Quando abriu a porta para ver quem era, ficou surpresa com o que viu.

Sua amiga cigarra estava dentro de uma Ferrari amarela com um aconchegante

casaco de vison.

 

E a cigarra disse para a formiguinha:

 

- Olá, amiga, vou passar o inverno em Paris. Será que você poderia cuidar da

minha toca?

 

E a formiguinha respondeu:

 

- Claro, sem problemas! Mas o que lhe aconteceu? Como você conseguiu

dinheiro para ir à Paris e comprar essa Ferrari?

 

E a cigarra respondeu:

 

- Imagine você que eu estava cantando em um bar na semana passada e um

produtor gostou da minha voz. Fechei um contrato de seis meses para fazer

show em Paris… A propósito, a amiga deseja alguma coisa de lá?

 

- Desejo sim — respondeu a formiguinha.

 

- Se você encontrar o La Fontaine (Autor da Fábula Original) por lá, manda

ele ir para  “AQUELE LUGAR” (para não dizer mais e com todas as letras…)

 

 

Moral da estória:

 

 

  • Aproveite sua vida, saiba dosar trabalho e lazer, pois trabalho em demasia

traz benefício apenas em fábulas do La Fontaine.

 

  • Trabalhe, mas curta a sua vida. Ela é única!!!

 

  • Se você não encontrar a sua metade da laranja, não desanime; procure a

sua metade do limão, adicione açúcar, pinga e gelo…. e divirta-se.

 

  • Enfim, procure a todo o momento ser feliz!

 

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: