Domingo, 21 de Abril de 2019
онлайн займ взять займ онлайн онлайн займы на карту микрозаймы на карту займ на карту срочно микрокредиты онлайн

Decoralismo – Quarto de criança

sáb, 25 de julho de 2015 08:20

Abertura-decoralismo

Olá queridos!

Hoje trago dicas para o ambiente dos pequenos donos da casa, mais especificamente o quarto dos filhos. São os cômodos mais pessoais e íntimos da criança no lar, ambientes que servem como local de descanso e de refúgio.  O quarto da criança deve passar a sensação de tranquilidade, paz e acolhimento para os pequenos. Pensando nisso, é muito importante que a organização e a decoração do ambiente reflitam os hábitos, os gostos e a personalidade da criança.

.

.

 

Ainda que a criança não tenha preferências bem definidas, é essencial que o quarto transmita sensação evidente de conforto. Não existem regras fixas, mas pensar nesta relação entre o ambiente e os sentimentos que irá transmitir é muito importante.

Nem sempre os velhos estereótipos resolvem: aquela coisa clichê, por exemplo, de que o quarto de menina tem que ser decorado em cor-de-rosa e o quarto do menino em azul. Quando digo que o ambiente deve ser harmônico e agradável à personalidade da criança, refiro-me, por exemplo, a aspectos como: se a criança é introvertida e tem desvio de atenção e o quarto em questão é utilizado para estudos e/ou diversão, o cômodo jamais poderá ter cores que acalmam e relaxam, como o azul, o lilás e cores de tons pasteis, pois a criança, na presença de tais cores tenderá fortemente a um comportamento ainda mais letárgico e até um pouco depressivo (a depender do grau de exposição ao ambiente decorado). Entretanto, cores fortes e vibrantes podem excitar ao extremo os pequeninos que possuem um temperamento mais eletrizante; neste caso, as cores frias que citei, tranquilizarão a criança mais agitada. É preciso tentar entender o perfil da criança, seu temperamento e utilizar uma cor que se ajuste à necessidade de cada uma. Então, não se trata apenas do que se “acha bonito”…

.

.

 

O quarto deve refletir o mundo da criança, ser seu cantinho, onde brinque, receba os amiguinhos e estude com sossego. Mas também, deve ser um lugar organizado que facilite a vida da mamãe na hora da arrumação.

Mamãe conheça bem o gostinho seu filho e veja as necessidades dele na hora de decorar o quartinho no qual passará boa parte da vida. A melhor dica de todas: divirta-se na hora de colocar a mão na massa, pode ser um momento lúdico de puro prazer…, se dê ao luxo de fazer você mesma, quem sabe na companhia do dono do pedaço, tendo sempre em mente: o quarto deve atender, em primeiro lugar, às necessidades do filhote, não ao gosto dos pais.

Nenhum comentário

Deixe seu comentário: